Childish Gambino leva o Grammy de melhor videoclipe do ano

Lady Gaga, Chris Cornell e Brandi Carlile também ganharam prêmios no pré-show

São Paulo

O músico Childish Gambino, alter ego do ator  Donald Glover, venceu neste domingo (10) o prêmio de melhor videoclipe por "This Is America" no Grammy.

O clipe que critica o porte de armas e o racismo concorria com nomes de peso como Janelle Monaé e o casal Jay-Z e Beyoncé.

Cena do clipe de Childish Gambino, “This Is America” - Reprodução

Ele concorre ainda ao prêmio mais importante da noite, o de gravação do ano. 

O prêmio foi dado em cerimônia prévia ao show televisionado, quando são dados os gramofones principais.

O filme "Pantera Negra" ganhou o prêmio de melhor trilha sonora.

Lady Gaga e Brandi Carlile também ganharam ali seus primeiros prêmios. Gaga levou por melhor canção escrita para meio visual com "Shallow", trilha sonora de "Nasce uma Estrela", e por melhor perfomance solo pop por "Joanne".

Carlile, a mulher com mais indicações ao Grammy neste ano (são seis), levou dois pelo seu single de música americana "The Joke" e um pelo álbum "By the Way, I Forgive You".

Os filhos de Chris Cornell receberam o prêmio do pai, morto em 2017, por melhor performance de rock com "When Bad Does Good".

Ariana Grande também já começou a noite com um prêmio. Ela ganhou o Grammy de melhor álbum vocal pop por "Sweetener".

Setenta e cinco prêmios foram entregas na cerimônia prévia do Grammy. Veja abaixo uma lista de alguns deles:

Melhor Álbum de comédia: "Equanimity & The Bird Revelation" - Dave Chapelle
Melhor Álbum de Música Alternativa: "Colors" - Beck
Melhor Engenharia de Som de Álbum Não-Clássico: "Colors" - Beck
Melhor Álbum Instrumental Pop: "Steve Gadd Band" - Steve Gadd
Melhor Compilação de Trilha Sonora para Mídia Visual: "The greatest showman" - "O rei do show"
Melhor Trilha Sonora para Mídia Visual: "Pantera Negra" - Ludwig Goransson (compositor)
Melhor Canção Composta para Mídia Visual: "Shallow" - Lady Gaga, Mark Ronson, Anthony Rossomando e Andrew Wyatt
Melhor Álbum Folk: "All ashore" - Punch Brothers
Melhor Álbum de Pop Latino: "Sincera" - Claudia Brant
Melhor Clipe: "This is America" - Childish Gambino
Melhor Vídeo Musical Longo: "Quincy" - Quincy Jones, Alan Hicks e Rashida Jones
Melhor Performance Solo de Pop: "Joanne (Where do you think you're goin'?)" - Lady Gaga
Melhor Álbum Pop Vocal: "Sweetener" - Ariana Grande
Melhor Gravação Dance: "Electricity" - SilkCity e Dua Lipa (com participação de Diplo)
Melhor Performance de Rock: "When bad does good" - Chris Cornell
Melhor Álbum de Rock: "From the fires" - Greta Van Fleet
Melhor Canção de Rock: "Masseduction" - St. Vincent (compositores: Jack Antonoff e Annie Clark)
Melhor Performance de Rap: "King's dead" - Kendrick Lamar, Jay Rock, Future e James Blake; "Bubblin" - Anderson Paak
Produtor do Ano, Não-Clássico: Pharrell Williams

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.