Descrição de chapéu Artes Cênicas Brexit

Peça de ingleses transforma caos político em jogo

Referência no teatro britânico, Forced Entertainment apresenta "Mágica de Verdade" na MITsp

Cena do espetáculo 'Mágica de Verdade', do grupo inglês Forced Entertainment

Cena do espetáculo 'Mágica de Verdade', do grupo inglês Forced Entertainment Divulgação

MARIA LUÍSA BARSANELLI
São Paulo

Parece um game show no qual ninguém consegue ganhar. Estão todos um tanto perdidos: imersos num ambiente festivo, mas repletos de melancolia.

Afinal, “Mágica de Verdade”, peça que o grupo inglês Forced Entertainment apresenta na MITsp - Mostra Internacional de Teatro de São Paulo, foi criada enquanto o brexit vencia nas urnas e Donald Trump ascendia ao poder nos Estados Unidos.

Como o contexto político, as pessoas sobre o palco surgem perturbadas. Não estão apenas num programa de variedades. “Elas estão tentando sair de uma armadilha, de uma situação que não conseguem mudar, por mais que pareça óbvio”, explica o diretor Tim Etchells.

“É esse sentimento de frustração e preocupação de que a realidade, de certa forma, está fugindo do controle.”

Os três personagens de “Mágica de Verdade” simulam uma série de jogos, com traços de cabaré e de programas televisivos, até que um deles precisa decifrar uma situação impossível.

Passam então a repeti-la, diversas vezes, mas cada qual de um jeito diferente. Sempre embebidos do universo de cultura pop comum aos game shows —não faltam sons de risadas e de aplausos falsos— e de um misto de humor e melancolia.

Há também algum sopro de esperança nas tentativas dos personagens. São inventivos, não desistem das tentativas e buscam fazer de uma situação árdua algo minimamente suportável.

“É um material aparentemente leve, mas que carrega questões muito profundas, tristes. Há muitas coisas ali que são ao mesmo tempo extremamente doloridas e, de alguma forma, engraçadas. É quase uma montanha-russa sentimental, tentamos manter essa tensão no público.”

Essa força é o que o Forced Entertainment busca para a sua própria manutenção. Fundado em 1984 durante o auge do punk e dos ideais do “faça você mesmo”, o grupo se voltou a trabalhos que buscassem uma comunicação direta com o público.

Hoje referência no teatro britânico, a companhia se mantém por mais de 30 anos com trabalhos multimídia, que passam pelas artes plásticas e pelo audiovisual.

“De certa forma, é insuportável conviver com as mesmas pessoas por tanto tempo. E, ainda, trabalhar com elas, isso é destruidor para a mente”, comenta Etchells. “Então precisamos nos provocar o tempo todo.” 

Mágica de Verdade

  • Quando Ter. (19), qua. (20) e qui. (21), às 20h
  • Onde Teatro Sesi-SP - Av. Paulista, 1.313, Cerqueira César
  • Preço Grátis
  • Classificação 16 anos

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.