Aos 47, morre Andre Matos, ex-vocalista do Angra

Segundo página oficial do cantor, morte foi provocada por problemas cardíacos

André Matos na 17ª edição do festival Porão do Rock realizado no estacionamento do Estádio Mané Garrincha em Brasília - Beto Barata/UOL
São Paulo | Com UOL

Morreu neste sábado (8) Andre Matos, ex-vocalista e um dos fundadores da banda Angra, importante expoente do metal paulistano. O músico tinha 47 anos e, segundo comunicado de sua página oficial no Facebook, sua morte foi decorrente de uma parada cardíaca.

Nascido em São Paulo, Matos também fez participação na banda Viper, que fundou antes de completar 15 anos, e, desde 2006, desenvolvia carreira solo. Mas foi a Angra que projetou o nome de Matos internacionalmente, por meio de discos como "Angels Cry" (1993) e "Holy Land" (1996).

Em 1997, no auge da carreira da banda, Matos e outros quatro integrantes da Angra estiveram no auditório da Folha, em conversa promovida pelo extinto caderno Folhateen, que era direcionado a adolescentes. Pela conversa, passaram temas como drogas, rock e questões da indústria fonográfica. 

Em 2000, após turnês que incluíam países da Europa e o Japão, Matos deixou a banda por divergências com o empresário do conjunto.

O baterista Ricardo Confessori e o baixista Luis Mariutti, também ex-integrantes do Angra, confirmaram a morte do cantor, publicando notas em homenagem ao amigo nas redes sociais.

Os músicos estavam atualmente em uma turnê de reunião com a Shaman.

O grupo foi fundado por Matos, Mariutti e Ricardo Confessori em 2001, logo após o rompimento com a Angra, e eles investiram em misturas do metal com o rock progressivo. 

"O destino nos uniu, nos separou, nos reuniu e agora pregou mais essa com a gente. É com profunda dor em nossos corações que nos despedimos do André mais uma vez, desta vez de forma definitiva", diz a nota.

"Além da ferida que jamais cicatrizará, e mesmo sabendo que passamos momentos gloriosos junto ao nosso companheiro e amigo, restará pra sempre o melhor dele em nossos corações", prossegue o texto, assinado pelos membros da Shaman.

Integrantes da atual formação da Angra também fizeram homenagem em sua página oficial no Facebook. "Com muita dor recebemos a notícia do falecimento do Andre Matos. O Angra está de luto. O Andre foi imprescindível para o sucesso e consagração desta banda", diz a nota.

"A contribuição de seu talento e presença é inestimável. Não há palavras neste momento que descrevam o tamanho do vazio deixado nos corações dos que o amaram de perto e de longe. Que os anjos recebam sua alma e que a Deusa do Fogo mantenha a chama de seu legado artístico acesa", prossegue o texto.

A expressão "Deusa do Fogo" é usada porque esse é o significado de Angra, em tupi-guarani. Os atuais membros da banda chegaram a anunciar uma turnê com os antigos integrantes para 2021.

Atendendo a um pedido de Matos, sua família decidiu não realizar um velório. Segundo uma nota na página oficial do cantor no Facebook, ele será cremado neste domingo (9), apenas na presença de parentes.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.