Bolsonaro lamenta morte de João Gilberto, 'uma pessoa conhecida'

O breve comentário foi feito neste sábado, após o presidente ser questionado sobre o pai da bossa nova

O cantor e violonista João Gilberto - Ari Versiani/AFP
Fábio Fabrini
Brasília

Diante de um pedido para comentar a morte de João Gilberto, o presidente Jair Bolsonaro disse neste sábado que lamentava a perda. 

"[Era] Uma pessoa conhecida. Nossos sentimentos à família, tá ok?" 

João Gilberto morreu neste sábado, aos 88 anos. Criador da bossa nova, ele morava no Rio de Janeiro, e a causa de sua morte ainda não foi divulgada.

O breve comentário de Bolsonaro se soma ao de diversos artistas que homenagearam João Gilberto neste sábado, entre eles Caetano Veloso, Gal Costa e Nelson Motta.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.