Descrição de chapéu RFI Homem na Lua, 50

Dez músicas para comemorar os 50 anos do homem na Lua

Satélite natural da Terra inspirou de Janis Joplin a Pink Floyd

RFI

Quer sejam hippies ou aficionados do balcão de variedades do pop-rock-folk, cantores e cantoras sempre foram inspirados pela Lua.

Capa do álbum 'The Dark Side of the Moon' da banda de rock inglês Pink Floyd (1973) - Reprodução

Na noite de 20 de julho de 1969, a televisão norte-americana transmitiu o primeiro passo do homem na Lua. Após este programa especial, na ABC, o canal voltou aos programas habituais com o programa de TV de Dick Cavett. O convidado? A ídola dos hippies, Janis Joplin. Seu hit "Half Moon" será lançado um ano e meio depois, à título póstumo, após o eclipse total de sua autora, que morreu de overdose aos 27 anos de idade.

Se a banda de rock britânica Pink Floyd explora o lado negro da lua, em 1973, com o álbum psicodélico "The Dark Side of the Moon", será necessário esperar até 1979 para andar de novo pelo astro com Sting e o grupo The Police. O clipe é filmado na frente de motores de foguetes no Centro Espacial Kennedy, na Flórida.

Mas a conquista do espaço não agrada a todos. O poeta norte-americano Gil Scott-Heron reclama dos "branquinhos que foram para a Lua" ("Whitey on the Moon") enquanto os negros norte-americanos estão afundando na pobreza... O texto será gravado no disco "A New Black Poet - Small Talk at 125th and Lenox", em 1970.

E se o primeiro passo do homem na Lua fosse uma farsa enorme, um grande embuste? Os roqueiros norte-americanos do R.E.M. quase fazem a pergunta em "Man on the Moon", no álbum "Automatic for the People" (1992).

E as mulheres nisso tudo? Foi preciso esperar até 1994 e a banda sueca Roxette para uma primeira incursão feminina à Lua, na música "First Girl on the Moon", extraída do álbum "Crash! Boom! Bang!".

A pseudo-banda britânica Rah Band (com apenas um músico/produtor) retransmite a angústia de uma mulher cujo marido partiu para uma viagem intergaláctica. A comunicação com o espaço se mostra um pouco difícil ("Clouds around the Moon", 1985). O clipe é feito em suporte barato, com uma grande utilização de folhas de alumínio:

Para os francófonos, olhar para a lua significa especialmente incentivar o lado romântico. "J’ai demandé à la Lune" é, sem dúvida, um dos maiores sucessos do grupo Indochine. No clipe, o cantor Nicola Sirkis carrega um bebê nos braços, em um fundo que mistura sombras e luzes.

Quanto à Alain Chamfort, ele se desespera com as exigências de sua Clara, que "deseja a Lua" (em 1992).

No Senegal, outros românticos olham para o céu, como Baaba Maal com "Dakar Moon", um título do álbum "Television".

Cinquenta anos depois da missão Apollo, sonhadores ainda podem dedilhar suas guitarras em uma noite de colheita enquanto veem a lua cheia, assim como o canadense Neil Young em "Harvest Moon" (1992), no topo do melhor da música folk.

 
 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.