Descrição de chapéu Rock in Rio

Com Ana Cañas de topless, Titãs toca Raul, Rita Lee e Barão Vermelho

Com setlist de clássicos, banda paulistana antecede Whitesnake no Rock in Rio

Amon Borges
Rio de Janeiro

O Titãs voltou ao Rock in Rio neste sábado (28) nublado e chuvoso na capital fluminense. Além de percorrer a carreira com canções próprias, o vocalista e tecladista Sérgio Britto anunciou uma pequena homenagem ao rock nacional.

Foi uma sequência com “Pro Dia Nascer Feliz” (Barão Vermelho), “Aluga-se” (Raul Seixas) e “Ôrra Meu” (Rita Lee).

Três convidados especiais ajudaram a banda paulistana a percorrer sua carreira com diversos hits.​

Titãs com a cantora Ana Cañas, no palco do segundo dia do Rock in Rio
Titãs com a cantora Ana Cañas no segundo dia do Rock in Rio - Eduardo Anizelli/Folhapress

​Britto, Branco Mello, Tony Bellotto (três dos nove integrantes originais), Beto Lee e Mario Fabre tiveram primeiramente a companhia de Érika Martins, ex-vocalista da banda Penélope. “Flores” e “Lugar Nenhum” foram as canções divididas com ela.

Ana Cañas cantou “Comida” e “Sonífera Ilha”. Ela entrou com um sobretudo e, ao gritar “respeita as mina”, tirou a peça, ficando com os seios à mostra e uma calcinha.

O rapper Edi Rock, do Racionais MC’s, subiu ao palco para cantar outros dois clássicos do Titãs: “Diversão” e “Bichos Escrotos”. Juntos ainda tocaram “Mágico de Oz” do grupo de rap.

“Homem Primata”, “Go Back”, “Epitáfio”, “O Pulso” e “Polícia” também fizeram parte do repertório que recheou pouco mais de uma hora de show no Parque Olímpico (zona oeste do Rio)

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.