Justiça autoriza que Homem Vitruviano viaje para a França

Uma associação de defesa do patrimônio não queria que deixasse a Itália

A Justiça italiana autorizou nesta quarta (16) o empréstimo de várias obras de Da Vinci ao Louvre, incluindo o “Homem Vitruviano”, que uma associação de defesa do patrimônio não queria que deixasse a Itália.

O tribunal administrativo do Vêneto não acolheu recurso da Italia Nostra, abrindo caminho para que as obras viajem para a grande exposição francesa que será aberta no dia 24.

‘Homem Vitruviano’ - Reprodução
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.