Globo de Ouro: saiba onde ver os filmes vencedores, no cinema ou streaming

Descubra dicas de como assistir a todos os longas que foram premiados nas principais categorias

UOL

O Globo de Ouro 2020 ocorreu ontem, sinalizando o começo de mais uma temporada de premiações. Com três estatuetas, o filme Era Uma Vez em... Hollywood, de Quentin Tarantino, foi o recordista de vitórias na cerimônia.

Abaixo, o UOL reuniu dicas de como assistir a todos os longas que saíram premiados das principais categorias do Globo de Ouro. Alguns ainda não estrearam no Brasil, enquanto outros já saíram dos cinemas e foram parar nos serviços de streaming. Confira:

1917 ​

A produção da Universal chega aos cinemas brasileiros em 23 de janeiro, mas terá sessões antecipadas nos dias 18 e 19 de janeiro. 1917 venceu os prêmios de melhor filme (drama) e melhor direção no Globo de Ouro. Dirigido por Sam Mendes (007 - Operação Skyfall), o longa se passa nas trincheiras da 1ª Guerra Mundial, e é filmado para parecer uma única tomada, sem cortes, em tempo real. A história acompanha dois jovens soldados que recebem uma missão perigosa de seu comandante. Dean-Charles Chapman (Game of Thrones) e George MacKay (Capitão Fantástico) vivem os protagonistas. O elenco ainda conta com nomes como Colin Firth (O Discurso do Rei), Andrew Scott (Sherlock) e Benedict  Cumberbatch (Doutor Estranho).

Cena do filme 1917
Cena do filme 1917 - Reprodução

Era Uma Vez em... Hollywood

O longa de Quentin Tarantino está disponível no serviço de streaming Looke. Era Uma Vez em... Hollywood venceu os prêmios de melhor filme (musical ou comédia), melhor ator coadjuvante (para Brad Pitt) e melhor roteiro (para Tarantino). Na trama, acompanhamos um ator que passa por momento difícil na carreira, Rick Dalton (Leonardo DiCaprio). Ele e seu fiel dublê (Pitt) buscam formas de voltar ao topo na Hollywood dos anos 1960.

Leonardo di Caprio e Brad Pitt em cena de 'Era uma Vez em... Hollywood', de Quentin Tarantino
Leonardo di Caprio e Brad Pitt em cena de 'Era uma Vez em... Hollywood', de Quentin Tarantino - IMDb

​Parasita

O longa sul-coreano ainda está em cartaz em quatro locais em São Paulo: Cinema Reserva Cultural São Paulo (sessão às 21h30), Espaço Itaú de Cinema - Augusta (sessões às 18h30 e 21h), Kinoplex Itaim (sessão às 16h20) e Petra Belas Artes (sessões às 14h e 16h30).

Já no Rio de Janeiro, Parasita está em exibição em três locais: Estação NET Botagofo (sessões às 15h50 e 21h10), UFF - Centro de Artes (sessão às 18h30) e Cine UCAM (sessão às 14h10).

A obra de Bong Joon Ho venceu a estatueta de melhor filme estrangeiro no Globo de Ouro. A trama acompanha uma família que se "infiltra" na casa de outra, muito mais rica, assumindo funções como motorista, governanta e professor particular.

Cena do filme 'Parasita', de Bong Joon-ho
Cena do filme 'Parasita', de Bong Joon-ho - Divulgação

O Coringa

Dois cinemas em São Paulo ainda exibem o longa sobre o vilão do Batman: o Espaço Itaú de Cinema - Augusta (sessão às 14h) e o Petra Belas Artes (sessão às 13h50). No Rio, só uma localização ainda exibe Coringa: o UCI New York City Center (sessão às 21h35).

O filme rendeu o prêmio de melhor ator em filme dramático para Joaquin Phoenix, e também o de melhor trilha sonora para Hildur Guðnadóttir, que se tornou a primeira mulher a vencer sozinha na categoria.

Joaquin Phoenix em cena de "Coringa"
Joaquin Phoenix em cena de "Coringa" - Divulgação

​Judy: Muito Além do Arco-Íris

O longa tem estreia marcada nos cinemas brasileiros para 30 de janeiro.

Renée Zellweger levou o Globo de Ouro de melhor atriz em filme dramático por Judy, onde encarna a atriz Judy Garland, conhecida por seu papel em O Mágico de Oz e outros clássicos do musical hollywoodiano.

​Rocketman

A biografia do astro do rock Elton John está disponível para streaming no NOW. Rocketman rendeu o Globo de Ouro de melhor ator (musical ou comédia) para Taron Egerton, e o de melhor canção original para Elton John e Bernie Taupin.

O filme de Dexter Fletcher (que ajudou a completar Bohemian Rhapsody após a saída de Bryan Singer) acompanha John de sua infância até a superação do vício em drogas, nos anos 1990.

Taron Egerton (Elton John) e Richard Madden (o empresário John Reid) em 'Rocketman'
Taron Egerton (Elton John) e Richard Madden (o empresário John Reid) em 'Rocketman' - Divulgação

História de um Casamento 

O filme foi lançado no Brasil pela Netflix, e está disponível no catálogo do serviço. Laura Dern levou o Globo de Ouro de melhor atriz coadjuvante por seu papel em História de um Casamento.

Na trama, Scarlett Johansson e Adam Driver interpretam um casal prestes a se separar. Ele, um diretor de teatro, deseja permanecer morando em Nova York, enquanto ela, uma atriz, quer se mudar para Los Angeles com o filho pequeno dos dois.

Scarlett Johansson e Adam Driver em 'História de Casamento'
Scarlett Johansson e Adam Driver em 'História de Casamento' - Divulgação

The Farewell

O longa de Lulu Wang é o único dos vencedores do Globo de Ouro que ainda não tem lançamento previsto no Brasil. Awkwafina levou o Globo de Ouro de melhor atriz (comédia ou musical) por The Farewell, se tornando a primeira vencedora asiática na categoria.

Na trama, ela interpreta uma jovem de descendência chinesa que vive em Nova York, mas precisa voltar para a terra natal a fim de se despedir da avó, que está muito doente. Acontece que a família, seguindo uma tradição chinesa, decidiu não contar à matriarca sobre sua condição de saúde.

Cena do filme 'The Farewell'
Cena do filme 'The Farewell' - Divulgação
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.