Roger Waters em festival e homenagens a Beth Carvalho são destaques desta sexta

Filha da sambista e Xande de Pilares relembram a cantora, cuja morte completou um ano na quinta

São Paulo

Com o avanço do coronavírus, as atividades culturais estão suspensas de modo geral. Neste cenário, artistas e produtores estão fazendo shows caseiros transmitidos nas redes sociais, estreias de cinema migraram para o streaming, canais de TV abriram seus sinais, museus promovem visitas virtuais e vídeos de espetáculos de dança e de teatro foram disponibilizados na internet.

Para melhorar sua quarentena, preparamos uma lista de conteúdos para serem consumidos em casa nesta sexta (1°).

CINEMA

A trama "Fim de Festa", do pernambucano Hilton Lacerda (diretor de “Tatuagem”, de 2013), acompanha quatro amigos que passam o Carnaval juntos, no Recife, no apartamento de um investigador da polícia, que é pai de um deles e está em férias. Porém, ele retorna mais cedo após ser designado para investigar a morte de uma turista francesa. O filme do ano passado foi o vencedor do prêmio de melhor longa de ficção no Festival do Rio. Disponível para locação e compra no Apple TV, na Globoplay, no Now, no Oi Play, no Vivo Play e no YouTube.

MÚSICA

O Sesc São Paulo promove uma sequência de shows virtuais no Dia do Trabalho. Quem abre a programação é o cantor Hélio Ziskind, dono do canal infantil do YouTube Zis, ao meio-dia. Depois, às 15h, o pernambucano Siba revisita momentos de sua trajetória —incluindo canções do álbum mais recente, “Coruja Muda”, de 2019— e mostra poemas inéditos. Encerrando o dia, às 19h, Luciana Mello e Jair Oliveira fazem show. Os shows podem ser vistos nas redes sociais do Sesc São Paulo (@sescsp).

Um vídeo do ex-Pink Floyd Roger Waters é uma das atrações dessa live que, a partir das 11h30, homenageia o Dia do Trabalho. A transmissão é feita pelo YouTube.

Quem toca na live de sexta do Festival #CulturaEmCasa, organizado pelo governo de São Paulo, é a cantora Tulipa Ruiz, que canta setlist que inclui “Da Menina”, “Game” e “Desinibida” a partir das 21h30.

Um dia depois da morte da sambista Beth Carvalho completar um ano, sua filha Luana Carvalho faz live no Instagram para relembrar a vida e a obra da carioca. Ela conversa com seguidores e convida músicos para cantarem músicas de seu repertório a partir das 18h30.

O grupo mineiro Jota Quest, liderado por Rogério Flausino, faz sua primeira transmissão de show online, apelidada de “Dias Melhores”, nome de uma de suas canções. A partir das 17h30, a banda começa o bate-papo com os fãs, arrecada doações para instituições de combate à Covid-19 e canta seus maiores sucessos, como “Só Hoje” e “Além do Horizonte”.

A banda de pagode Só Pra Contrariar celebra fases de seus 30 anos de carreira na live solidária no YouTube que percorre hits como “Essa Tal Liberdade”, “Que se Chama Amor” e “Mineirinho”.

O Theatro Municipal de São Paulo , casa da Orquestra Sinfônica Municipal, encerra a maratona de concertos online e de graça com a íntegra da “Sinfonia nº 1”, de Beethoven, gravada no ano passado na série “Beethoven Total”. A regência é do maestro titular Roberto Minczuk.

Retrato do maestro Roberto Minczuk no Theatro Municipal, em São Paulo
Retrato do maestro Roberto Minczuk no Theatro Municipal, em São Paulo - Eduardo Knapp/Folhapress

O sambista Xande de Pilares, um dos nomes de maior destaque no gênero, faz sua primeira live com repertório que inclui canções autorais, clássicos do samba e homenagens a Beth Carvalho, às 16h.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.