Descrição de chapéu Multitela

TV paga e serviços sob demanda comemoram o Dia do Orgulho LGBT

Confira os destaques de programação deste domingo (28)

São Paulo

No dia 28 de junho de 1969, os clientes do bar Stonewall, em Nova York, reagiram a uma batida policial, marcando o início da luta pelos direitos igualitários. Para marcar a data, alguns canais pagos têm programações especiais.

O National Geographic traz documentários e episódios temáticos de séries: “Explorer” (14h05, 14 anos), “Explorer Investigation – Intolerância LGBTI+” (14h50, 14 anos), “O Que Nos Define” (15h35, 14 anos) e “Transgêneros” (16h20, 12 anos). A partir de 15h35, o canal também transmite o #OrgulhoNatGeo, uma franja paralela com vídeos criados pelo público.

O Telecine Touch exibe uma maratona de cinco filmes que trazem protagonistas homossexuais: “Toda Forma de Amor” (15h25, 12 anos), “Me Chame pelo Seu Nome” (17h15, 14 anos), “O Segredo de Brokeback Mountain” (19h40, 14 anos), “Rocketman” (22h, 16 anos) e “Meus Dias de Compaixão” (0h10, 16 anos).

A plataforma Looke oferece 10 filmes e três séries gratuitamente. A lista inclui títulos como “Transamérica” e “Rio #semlimites” (ambos indicados para maiores de 14 anos).

No Comedy Central, às 19h, Junior Chicó apresenta “Comédia com Todas as Letras – LGBTQIA+”, que conta com participações de Nany People, Aretuza Lovi e muitos outros. Às 20h, Chicó também está no “Stand Up Especial Orgulho LGBTQIA+” ao lado de Bubiz Barros, Babu Carreira e Cintia Rossini (ambos, 12 anos).


Operação Sombra – Jack Ryan
O personagem do escritor Tom Clancy que inspirou a série “Jack Ryan” é interpretado por Chris Pine neste thriller dirigido por Kenneth Branagh, que também está no elenco. Com Keira Knightley e Kevin Costner.

Globo, 22h31, 14 anos


Eu Terei Sumido na Escuridão

Baseada no livro do mesmo nome de Michelle McNamara, esta minissérie documental reconstitui, em seis episódios, a busca por um serial killer que aterrorizou o estado da Califórnia entre as décadas de 1970 e 1980.

HBO, 23h, 16 anos

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.