Descrição de chapéu Moda

Semana de Moda de Milão será online pela primeira vez devido à pandemia

Coronavírus faz organizadores planejarem versão física e digital do evento, que tem inicio nesta terça (14)

Milão | AFP

Pela primeira vez na história, Milão tem uma semana de moda virtual, que é inaugurada nesta terça-feira (14). Os desfiles serão físicos e digitais devido à pandemia da Covid-19.

Esta edição, que começou na terça e vai até sexta-feira, apresentará as coleções masculinas de primavera-verão 2021.

Cerca de 40 marcas responderam ao convite, incluindo D&G e Etro, as duas italianas que decidiram manter os desfiles físicos. "Decidimos apresentar as coleções com um desfile de moda físico para transmitir uma mensagem positiva e forte, fundamental neste momento para o setor da moda e para a cidade de Milão", escreveram Kean e Veronica Etro em nota.

Após décadas afastados da indústria da moda, os estilistas sicilianos Domenico Dolce e Stefano Gabbana anunciaram, no mês passado, o retorno ao setor. Segundo o presidente da Câmara de Moda Italiana, Carlo Capasa, este é "um grande retorno".

"É um momento difícil para a moda e [essa decisão] mostra o forte vínculo que os estilistas têm com nosso país. Hoje, mais do que nunca, é importante estarmos unidos para proteger nossa indústria no mundo", afirmou Capasa em um comunicado.

Domenico Dolce e Stefano Gabbana reconheceram que "a moda precisa se manter positiva e unida".

A marca MSGM iniciará as apresentações, seguida por Prada, Moschino e Philipp Plein. Na quarta-feira será a vez de Etro e D&G e na quinta de Salvatore Ferragamo, Tod's e Dsquared2, enquanto a edição será finalizada na sexta por Gucci, Ermenegildo Zegna e Missoni.

A Câmara da Moda da Itália fornece também reuniões ao vivo 24 horas por dia, para todos os continentes, com uma parceria com o jornal The New York Times.

Além dos desfiles de moda, poderão ser acompanhadas entrevistas nos bastidores e apresentações em "salas temáticas", sobre assuntos variados, desde o desenvolvimento sustentável até as inovações tecnológicas.

O jornalista americano Alan Friedman terá "uma sala institucional", onde se reunirá com personalidades do mundo político e empresarial.

Com exceção de uma nova onda de coronavírus, Milão confirmou seu programa de desfiles femininos para a primavera e o verão 2021 para 22 a 28 de setembro.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.