Espetáculo de Natal do Recife poderá ser visto online adaptado à pandemia

Confira os destaques da programação desta quarta-feira (23)

São Paulo

Há 17 anos, o Marco Zero da capital pernambucana serve de palco, na época do Natal, ao espetáculo "Baile do Menino Deus", que combina música, teatro, dança e elementos de festejos nordestinos, como o reisado, a lapinha e o cavalo-marinho. Com a impossibilidade de ser apresentado ao vivo em 2020, o Baile do Menino Deus migrou para a internet. A versão deste ano tem direção geral de Tuca Siqueira (“Amores de Chumbo”) e direção de fotografia de Pedro Sotero (“Bacurau”). Transmissões também dias 24 e 25.

YouTube e site Baile do Menino Deus, 20h, grátis


Beethoven É Pop

O documentário mostra como a obra de Beethoven penetrou em outros gêneros musicais, do funk ao heavy metal, e também na dança e nas artes visuais.

Arte1, 18h, livre


Aos Olhos de Ernesto

O premiado filme de Ana Luiza Azevedo conta a história de um fotógrafo que está perdendo a visão e acaba se envolvendo com sua jovem cuidadora.

Canal Brasil, 22h, 12 anos


Ajuste de Contas

Preso por um crime que não cometeu, um homem sai da cadeia com dois objetivos: reconectar-se ao filho e vingar-se dos mafiosos que o mandaram para a cadeia.

Telecine Premium, 22h, 16 anos


MasterChef Especial Celebridades

Seis famosos participam da competição culinária. Na primeira prova da noite, Zeca Camargo enfrenta Joel Datena. Na segunda, Marília Mendonça e Péricles encaram César Menotti e Maraisa. Os prêmios serão revertidos para instituições de caridade.

Band, 22h45, livre


São Paulo – Uma Cidade Segregada

O documentário de João Farkas discute os principais desafios que São Paulo enfrenta em seu planejamento urbano.
Cultura, 22h45, livre


Família Record

No lugar da tradicional troca de presentes, neste ano os integrantes do elenco da emissora presentearão famílias que passaram por momentos marcantes. Apresentação de Marcos Mion e Sabrina Sato.

Record, 22h45, livre

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.