Descrição de chapéu Livros

Julián Fuks e Milton Hatoum estão entre finalistas do Prêmio SP de Literatura

Sete das dez obras indicadas a melhor romance de ficção são do mesmo grupo editorial

São Paulo

O prêmio São Paulo de Literatura divulgou nesta terça (1º) os dez finalistas de suas duas categorias, melhor romance de ficção e melhor romance de ficção de estreia.

Na primeira delas, há sete obras do grupo Companhia das Letras lançadas ano passado. Entre elas, os novos trabalhos de Adriana Lisboa, Maria Valéria Rezende e Paulo Scott —também finalistas do último Jabuti—, além de Javier Contreras, Julián Fuks, João Anzanello Carrascoza e Milton Hatoum.

Completam a lista o romance "O Corpo Interminável", de Claudia Lage, "Mulheres Empilhadas", de Patricia Melo, e "A Morte e o Meteoro", de Joca Reiners Terron.

Entre os estreantes, a lista de editoras é mais diversa. Só se repetem, novamente, a Companhia das Letras —com Miguel del Castillo e Natalia Borges Polesso— e a 7Letras —com Carol Rodrigues e José Rezende Jr.

Cada um dos vencedores, que serão anunciados em março, recebe um prêmio de R$ 200 mil. Veja abaixo a lista completa de indicados.

Melhor Romance de Ficção de 2019

Adriana Lisboa, 'Todos os Santos' (Alfaguara)
Claudia Lage, 'O Corpo Interminável' (Record)
Javier Contreras, 'Crocodilo' (Companhia das Letras)
João Anzanello Carrascoza, 'Elegia do Irmão' (Alfaguara)
Joca Reiners Terron, 'A Morte e o Meteoro' (Todavia)
Julián Fuks, 'A Ocupação' (Companhia das Letras)
Maria Valéria Rezende, 'Carta à Rainha Louca' (Alfaguara)
Milton Hatoum, 'Pontos de Fuga' (Companhia das Letras)
Patrícia Melo, 'Mulheres Empilhadas' (Casa dos Mundos)
Paulo Scott, 'Marrom e Amarelo' (Alfaguara)

Melhor Romance de Ficção de Estreia do Ano de 2019

Carol Rodrigues, 'O Melindre nos Dentes da Besta' (7Letras)
Davi Boaventura, 'Mônica Vai Jantar' (Dublinense)
Felipe Holloway, 'O Legado de Nossa Miséria' (Record)
Gabriela Aguerre, 'O Quarto Branco' (Todavia)
José Rezende Jr., 'A Cidade Inexistente' (7Letras)
Lucila Losito Mantovani, 'Com o Corpo Inteiro' (Pólen Livros)
Marcelo Labes, 'Paraízo-Paraguay' (Caiaponte)
Miguel del Castillo, 'Cancún' (Companhia das Letras)
Natalia Borges Polesso, 'Controle' (Companhia das Letras)
Ricardo da Costa Aguiar, 'Das Terras Bárbaras' (Alaúde)

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.