Descrição de chapéu Cinema Televisão

Governo russo censura filme infantil da Disney que tem personagens gays

Agência reguladora de comunicações do país diz que lei federal proíbe crianças de verem 'conteúdos sem valores familiares'

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Alexander Marrow
Moscou | Reuters

A agência reguladora de comunicações da Rússia, Roskomnadzor, proibiu a Disney de distribuir conteúdo que considera "prejudicial às crianças do país", como o curta-metragem "Segredos Mágicos", que tem um protagonista gay. O comunicado foi feito nesta sexta (28).

A Roskomnadzor afirma ter enviado uma carta à Disney avisando que a lei russa proíbe a distribuição de informações que "negam valores familiares e promovem relacionamentos sexuais não tradicionais" para crianças.

Dois homens, um branco e outro negro, se beijam na boca
'Segredos Mágicos', do Disney Plus - Reprodução/YouTube

O curta "Segredos Mágicos" foi lançado no serviço de streaming Disney+, nos Estados Unidos, no ano passado.

Relacionamentos homossexuais são legais na Rússia, mas uma lei de 2013 proíbe disseminar "propaganda de relacionamentos sexuais não tradicionais" entre jovens russos.

Grupos de direitos humanos criticam a legislação, argumentando que o documento aumenta a hostilidade sofrida por membros da comunidade LGBT.

Na segunda, um procurador russo pediu que anúncios da marca Dolce & Gabbana no Instagram que mostram casais homossexuais se beijando sejam proibidos no país.

A Disney não respondeu ao pedido de comentários enviado pela Reuters.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.