'A Lata de Lixo da História', concertos gratuitos e mais 4 dicas

Veja as indicações culturais da Ilustríssima para a próxima semana

[CLUBE DE LEITURA] Angola Janga 

Casa Plana. (11) 3032-2057. Ter. (28), às 19h. Grátis.

O autor Marcelo D’Salete, vencedor do prêmio Eisner para histórias em quadrinhos, é o convidado do Clube de Leitura Folha deste mês, que discute seu livro publicado em 2017. Leia um texto da antropóloga Lilia Schwarcz sobre a obra. O quadrinista também participou do último podcast Ilustríssima Conversa, no qual falou sobre resistência negra no Brasil colonial e explicou o processo de produção de seus livros. 

 

[MÚSICA] Fábio Zanon 

Pina Luz. (11) 3324-1000. Qua. (29), às 19h30. Grátis.

O violonista, professor na Royal Academy of Music, em Londres, se apresenta ao lado de um grupo de músicos da Osesp, formado por Cláudia Nascimento (flauta), Ederson Fernandes (viola), Suelen Sampaio (harpa), Adrian Petrutiu (violino) e Adriana Holtz (violoncelo). No programa, obras de Heitor Villa-Lobos (“Cinco Prelúdios para Violão e Quinteto de Cordas”) e Claude Debussy (“Sonata para Flauta, Viola e Harpa”).

 

[EXPOSIÇÃO] Arthur Omar 

Sesc Consolação. (11) 3234-3000. De seg. a sex., das 11h às 21h30; sáb., das 10h30 às 18h30. De 30/8 a 1º/12. Grátis.

Em “A Origem do Rosto”, o artista mineiro discute as relações entre antropologia e artes visuais com a exibição de séries fotográficas e filmes, sempre com a face humana como ponto de partida. Um ciclo de cinco debates sobre a temática da mostra ocorre de 1º/9 a 24/11 e traz palestrantes como o crítico Ismail Xavier, a pesquisadora Ivana Bentes, o editor Charles Cosac e o neurocientista Sidarta Ribeiro.

homem ao vento
"O Guerreiro e o Vento" (2018), de Arthur Omar - Arthur Omar/Divulgação

[DEBATE]  A Lata de Lixo da História

Prédio de Ciências Sociais e Filosofia da FFLCH-USP. (11) 3091-4893. Ter. (28), às 17h30. Grátis.

O tema da discussão é a peça farsesca escrita pelo crítico literário Roberto Schwarz em 1968 e finalizada em seu período de exílio. O debate, iniciativa do grupo de estudos Sequências Brasileiras, terá participação dos professores Paulo Arantes, do Departamento de Filosofia da USP, e Edu Teruki Otsuka, do Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada da universidade.

 

[EXPOSIÇÃO]  Romy Pocztaruk

Zipper Galeria. (11) 4306-4306. De seg. a sex., das 10h às 19h; sáb., das 11h às 17h. Até 15/9. Grátis.

Em “Bombrasil”, primeira mostra individual da artista gaúcha, há uma investigação das ações do Brasil durante a corrida armamentista nuclear no período da Guerra Fria, registrada em documentos e fotografias. As imagens em cartaz foram feitas dentro das usinas nucleares de Angra dos Reis (RJ) e outros locais relacionados ao programa nuclear brasileiro. Luisa Duarte, crítica de arte, é a responsável pela curadoria da exposição.

homem dentro de usina nuclear
Fotografia de Romy Pocztaruk em exposição na Zipper Galeria - Romy Pocztaruk/Divulgação

[MÚSICA] David Zambon

Teatro Aliança Francesa. (11) 3572-2379. Seg. (27), às 20h. Grátis.

O tubista e diretor do Conservatório de Meudon, na França, se apresenta acompanhado dos músicos brasileiros Marcia Fukuda Uhlemann (violino), Pierre Marie Villard (flauta) e Henrique Simões (piano). O concerto, com duração de 1h15, terá composições de Schumann (“Adágio e Allegro para Tuba e Piano”), Louise Farrenc (“Trio para Flauta, Tuba e Piano”) e Mendelssohn (“Trio em Ré Menor para Violino, Tuba e Piano”). 

 

[LIVRO E DEBATE] Capitalismo de Laços no Brasil

Sala Jorge Paulo Lemann do Insper. (11) 4504-2400. Qua. (29), às 18h30. Grátis.

A nova edição da obra, publicada pela primeira vez em 2010, ganhou um posfácio no qual o autor, o professor do Insper Sergio Lazzarini, atualiza sua pesquisa sobre as relações entre Estado e empresas. O livro também recebeu novo prefácio do economista Claudio Haddad. Participam do debate de lançamento, além do autor, o economista Marcos Lisboa, presidente do Insper, e Pedro Passos, sócio da Natura, sob mediação de Vinicius Torres Freire, colunista da Folha.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.