Exposição sobre Coutinho, palestra de Silviano e mais 5 dicas

Veja as indicações da Ilustríssima para a próxima semana

[OCUPAÇÃO] Eduardo Coutinho

Itaú Cultural. (11) 2168-1777. De ter. a sex., das 9h às 20h; sáb. e dom., das 11h às 20h. De 2/10 a 24/11. Grátis.

Um dos mais importantes cineastas brasileiros, morto aos 80 em 2014, tem sua carreira repassada nesta exposição de fotografias, documentos de arquivo e vídeos com depoimentos e cenas de suas obras. A programação se completa com uma masterclass com João Moreira Salles em 7/10, aulas com colaboradores como Eduardo Escorel e Consuelo Lins, uma mostra de filmes às terças (de 1º/10 a 26/11) e o lançamento do livro “Sete Faces de Eduardo Coutinho”, de Carlos Alberto Mattos.

coutinho abre os braços em porta de caminhão
Eduardo Coutinho em "O Fim e o Princípio" (2005) - Tuca Vieira/Divulgação

[ESPETÁCULO] São Paulo Companhia de Dança

Sesc Guarulhos. (11) 2475-5550. Sex. (4), às 20h. R$ 30.

O grupo apresenta a inédita coreografia “Vai”, criada pelo norte-americano Shamel Pitts. Primeira criação dele para uma companhia brasileira, a dança imagina um futuro pós-apocalíptico gerado pela capacidade humana de se reinventar. O espetáculo será mostrado junto com “Suíte para Dois Pianos” (1987), inspirada nas telas de Kandinsky e na música de Rachmaninoff, e “Supernova” (2009), que remete ao fenômeno astronômico.

[TEATRO] Eu de Você

Teatro Vivo. (11) 3279-1520. Sex., às 20h; sáb. às 21h; dom., às 19h. Até 15/12. De R$ 50 a R$ 70.

Denise Fraga reinaugura o teatro após meses de reforma com o primeiro monólogo de sua carreira, baseado na experiência de pessoas comuns e costurando centenas de relatos colhidos ao longo de anos. Dirigida por Luiz Villaça, a atriz tece as histórias acompanhada de uma banda e dialogando com o público.

[LIVRO] Camus, o Viajante

Record. 192 págs. R$ 39,90. 

No aniversário de 70 anos da passagem de dois meses do escritor francês pelo Brasil, a coletânea traz os principais textos elaborados por ele a partir desta experiência. Organizada por Manuel da Costa Pinto, a obra une anotações de viagem à transcrição inédita de conferência feita no país, incluindo também fotos da visita de Camus a Iguape na companhia de Oswald de Andrade.

[PALESTRA] Silviano Santiago

Biblioteca Mário de Andrade. Qui. (3), às 19h. Grátis.

A série Escritor na Biblioteca traz um dos mais importantes críticos literários do país, que acaba de lançar a antologia “35 Ensaios” pela Companhia das Letras e ter seu “Uma Literatura nos Trópicos” relançado pelo Selo Suplemento Pernambuco. Ele conversa com o editor Schneider Carpeggiani e a pesquisadora Luciana Araújo.

[CINEMA] Domingo

Brasil, 2018. 95 min. Em cartaz em circuito a partir de qui. (3)

O filme de Fellipe Barbosa (“Gabriel e a Montanha”) e Clara Linhart enfoca uma família de classe média gaúcha no primeiro dia do primeiro mandato de Lula para captar as tensões daquele momento histórico. Com Ítala Nandi, Camila Morgado e Martha Nowill no elenco, o longa passou por festivais como os de Veneza e Miami.

[EXPOSIÇÃO] Matias Duville

Galeria Luisa Strina. (11) 3088–2471. De seg. a sex., das 10h às 19h; sáb., das 10h às 17h. Até 9/11. Grátis.

O artista plástico argentino, que tem o costume de experimentar séries inteiras com novos materiais, nesta mostra individual cria desenhos com sanguíneo (carvão vermelho), inspirado pelo deserto e o pôr do sol, e esculturas feitas com argila fundida em bronze.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.