Compromisso do Brasil com democracia é relativo, diz professor

Leonardo Avritzer, da UFMG, comenta no podcast seu livro "O Pêndulo da Democracia"

O cientista político Leonardo Avritzer, professor da UFMG, comenta seu livro recém-lançado, “O Pêndulo da Democracia” (Todavia).

A tese do professor é que a democracia no Brasil tem uma estrutura pendular desde o fim da Era Vargas. Ou seja, oscila entre momentos de expansão democrática e períodos de recuo dos valores democráticos.

Na visão de Avritzer , o país passa por uma fase de regressão desde as manifestações de junho de 2013

Na entrevista, ele explica os caminhos que nos levaram a este cenário e como podemos nos livrar desse modelo de democracia pendular.  

Além do link acima, a Ilustríssima Conversa pode ser acessada nos principais sites e aplicativos de podcasts, como Stitcher e o Spotify, ou direto pelo app Podcasts, que já vem instalado em iPhones. O ouvinte pode se inscrever e assinar o podcast —sem qualquer custo—, passando assim a receber alertas quando novos episódios são publicados.

O podcast Ilustríssima Conversa entrevista, a cada duas semanas, intelectuais e autores de livros de não ficção para discutir suas obras e seus objetos de pesquisa.

Já participaram do programa Hélio de Seixas Guimarães, que discutiu Machado de Assis; Sérgio Haddad, biógrafo de Paulo Freire; Giselle Beiguelman, que discutiu as políticas de memória e esquecimento do Brasil; o antropólogo Luiz Eduardo Soares, ; a psicanalista Maria Rita Kehl; o arquiteto e urbanista Guilherme Wisnik; a jornalista Cristina Serra, autora de livro sobre o desastre de Mariana; o cientista político Sérgio Abranches; a antropóloga Lilia Schwarcz; o ex-ministro da Educação Renato Janine Ribeiro; a economista Laura Carvalho, entre outros. 

Você encontra a lista completa de episódios do programa no índice do podcast Ilustríssima Conversa

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.