Saltar para o conteúdo principal
 
01/02/2012 - 09h00

Meg Cabot completa 45 anos

da Livraria da Folha
Texto baseado em informações fornecidas pela editora da obra.

Divulgação
 Literatura: a escritora norte-americana Meg Cabot posa para foto. (Divulgação)
Escritora norte-americana Meg Cabot completa 45 anos

Nascida em Bloomington, nos Estados Unidos, no dia primeiro de fevereiro de 1967, Meggin Patricia Cabot completa 45 anos nesta quarta-feira. Meg Cabot ficou famosa com a série de livros "O Diário da Princesa", mas já escreveu dezenas de títulos.

Divulgação
"Sendo Nikki" complica a vida de garota nerd em corpo de modelo
"Sendo Nikki" complica a vida de garota nerd em corpo de modelo

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Conheça nossa página no Facebook
Monte sua estante com obras de Cabot

Em "As Leis de Allie Finkle Para Meninas", a protagonista passa por problemas comuns de relacionamento, como família, colégio e amigos. Um texto divertido cheio do bom humor.

Dividido em duas partes, "A Garota Americana" acompanha as aventuras da garota que salvou a vida do presidente.

A escritora também produziu para o público adulto e adolescente. "Insaciável" mescla um pouco dos públicos. Se por um lado os livros teen dos últimos anos têm sido infestados por vampiros e mocinhas se derretendo por eles, o tema nunca havia sido explorado por Meg. Ao se render a este tipo de literatura, a autora o faz com um certo olhar crítico e um tom de brincadeira.

Assinado pelo pseudônimo Patrícia Cabot, muito utilizado pela autora na década de 1990, "Aprendendo a Seduzir" conta a história de lady Caroline Linford que descobre a infidelidade de seu noivo, o marquês de Winchilsea. Para a sociedade vitoriana do século 19, tais escapulidas masculinas eram normais, cancelar o casamento seria impensável. Portanto, a jovem decide aprender a ser, ao mesmo tempo, a esposa e a amante, para que o nobre nunca mais tenha de procurar outra mulher fora do lar. Para isso, toma lições sobre a arte do amor com o melhor dos professores: Braden Granville, um notório libertino de Londres.

Na série "A Mediadora", adolescente nova-iorquina Suzannah Simons fala com mortos e tem como missão ajudar almas penadas a descansar em paz. Como médium, a jovem pode ver fantasmas e também interagir com eles. Assim, acabou se apaixonando por Jesse, um gato do século 19.

"Sendo Nikki" conta a história de uma nerd presa no corpo de uma supermodelo. O livro é a sequência do best-seller "Cabeça de Vento".

 
Voltar ao topo da página