Saltar para o conteúdo principal
 
12/08/2012 - 15h00

Na Bienal, ex-gerente de marketing da Coca-Cola dedica livro ao filho

da Livraria da Folha

Aneliese de Oliveira
Renato Schmekel entrega livro ao filho na 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo
Renato Schmekel entrega livro ao filho na 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Renato Schmekel, ex-gerente de marketing da Coca-Cola, inverteu a lógica do Dia dos Pais. No sábado (11), lançou "Livro ao Meu Filho" na 22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo.

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Conheça nossa página no Facebook
Visite a estante dedicada aos relacionamentos
Bonecos invadem a Bienal de São Paulo
50 livros da Bienal ganham frete grátis

Como o título indica, e o subtítulo --"Tudo que Eu Gostaria que meu Filho Soubesse até os 20 anos"-- comprova, a edição reúne conselhos que o autor queria contar quando o garoto estivesse maduro para ouvir.

"Livro ao Meu Filho" traz comentários sobre assuntos como sexo, drogas, mulheres, negócios e felicidade. Com o texto que lembra uma carta, aponta os próprios erros e imagina como poderia ter feito melhor.

Aos três anos de idade, Schmekel perdeu o pai. "Senti muita falta de conselhos e de um ombro amigo de verdade. Deixo para o meu filho um rápido relato de quem fui e de minhas crenças de caráter socrático", assume no livro. "Minhas opiniões não visam o formato, nem tem o objetivo de serem 'politicamente corretas'."

Publicado pela editora Vermelho Marinho, do editor Tomaz Adour, o exemplar apresenta, além das impressões pessoais, ensinamentos de filósofos e escritores consagrados. No fim, indica os clássicos que considera indispensáveis para a formação intelectual do filho.

 
Voltar ao topo da página