Saltar para o conteúdo principal
 
17/10/2012 - 16h33

'Dias de Inferno na Síria' traz relato de jornalista brasileiro torturado

da Livraria da Folha

Em maio deste ano, o jornalista Klester Cavalcanti partiu de São Paulo para registrar a guerra civil na Síria. Com visto e passaporte, o jornalista acabou preso por tropas oficiais e torturado.

Divulgação
Livro traz o relato do jornalista brasileiro preso e torturado na Síria
Livro traz o relato do jornalista brasileiro preso e torturado na Síria

Cavalcanti relata a experiência e os seis dias de cárcere no livro "Dias de Inferno na Síria", publicado pelo selo Benvirá, da editora Saraiva. A edição apresenta um ponto de vista inédito, a perspectiva de quem presenciou o calabouço do conflito.

Dividindo a cela com outros 20 detentos, o jornalista ouvia os tiros e as explosões que aconteciam nas ruas e coletou histórias dos personagens com quem conviveu diariamente.

A guerra civil entre as forças do ditador Bashar al Assad e os rebeldes do Exército Livre da Síria teve início em março de 2011.

Acostumado a lidar com violações dos Direitos Humanos, Cavalcanti também é autor de "O Nome da Morte", a história de Júlio Santana, homem que matou 492 pessoas, e "As Viúvas da Terra".

Abaixo, assista ao book trailer de "Dias de Inferno na Síria"

Veja vídeo

*

"Dias de Inferno na Síria"
Autor: Klester Cavalcanti
Editora: Benvirá
Páginas: 296
Quanto: R$ 27,50 (preço promocional*)
Onde comprar: pelo telefone 0800-140090 ou pelo site da Livraria da Folha

* Atenção: Preço válido por tempo limitado ou enquanto durarem os estoques. Não cumulativo com outras promoções da Livraria da Folha. Em caso de alteração, prevalece o valor apresentado na página do produto.

Texto baseado em informações fornecidas pela editora/distribuidora da obra.

 
Voltar ao topo da página