Saltar para o conteúdo principal
 
16/10/2017 - 17h23

Jornalismo, futebol e política se alternam em livro de memórias de Juca Kfouri

da Livraria da Folha

Divulgação
Colunista da *Folha*, Kfouri relemebra momentos marcantes do esporte nacional e encontros com presidentes brasileiros
Colunista da Folha, Kfouri relemebra momentos marcantes do esporte nacional e encontros com presidentes brasileiros

Futebol, jornalismo e política se alternam em "Confesso que Perdi", livro de memórias de Juca Kfouri publicado pela Companhia das Letras.

Em quase 50 anos atuando como jornalista, Kfouri acompanhou de perto, como observador ou participante (e muitas vezes as duas coisas), experiências fundamentais do mundo da política, da cultura e do esporte.

Na obra, o olhar de quem cobriu todas as Copas do Mundo desde 1982, dirigiu as revistas "Placar" e "Playboy" e militou contra a ditadura militar.

Jogos importantes e momentos marcantes do esporte nacional também estão incluídos ao longo dos 21 capítulos. É o caso do jogo de 1977 em que o Corinthians quebrou o jejum de mais de 20 anos sem títulos.

O autor relembra episódios como o da reportagem que revelou a identidade do desenhista Carlos Zéfiro ou a capa que trouxe o jogador Sócrates posando como "O Pensador", de Rodin.

Colunista dos jornais "O Globo" e Folha de S.Paulo, Juca Kfouri passou por várias redes de televisão como comentarista esportivo e atualmente está na ESPN-Brasil e na Rádio CBN. É autor de livros como "A Emoção Corinthians", "Meninos Eu Vi..." e "Por que Não Desisto".

*

CONFESSO QUE PERDI
AUTOR Juca Kfouri
EDITORA Companhia das Letras
QUANTO R$ 34,90 (preço promocional*)

* Atenção: Preço válido por tempo limitado ou enquanto durarem os estoques.

-

 
Voltar ao topo da página