Saltar para o conteúdo principal
 
27/12/2010 - 14h06

Política e história dominam mais vendidos de ciências humanas em 2010

da Livraria da Folha

Divulgação
Os bastidores do enriquecimento e tomada do poder pela família Sarney
Os bastidores do enriquecimento e tomada do poder pela família Sarney

Entre os dez livros de ciências humanas mais vendidos pela Livraria da Folha neste ano, apenas um --em décimo lugar-- escapa do tema política e história. As vendas de "O Narcotráfico" está diretamente ligada ao embate de policiais e criminosos cariocas, ocorrido no fim de novembro.

Os dois primeiros títulos da lista, "Honoráveis Bandidos" e "O Chefe", foram impulsionados pelo interesse provocado pelas eleições. Os escândalos e as denúncias presentes nos textos são outros atrativos inegáveis das duas obras.

Lançado no início do mês de setembro, "1822" encabeça o gênero história. O novo livro de Laurentino Gomes é sequência da saga luso-brasileira iniciada em "1808", best-seller publicado em 2007 que já vendeu mais 600 mil exemplares e aparece, em 2010, no oitavo lugar.

Confira, abaixo, os dez mais vendidos da estante de ciências humanas.

*

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Siga a Livraria da Folha no Twitter

1- "Honoráveis Bandidos"
2- "O Chefe"
3- "1822"
4- "A História Secreta dos Papas"
5- "Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil"
6- "Hitler"
7- "Brasil: Uma História"
8- "1808"
9- "Eleições 2.0"
10- "O Narcotráfico"

 
Voltar ao topo da página