Saltar para o conteúdo principal
 
02/03/2012 - 21h00

Coleção ensina história da música brasileira

da Livraria da Folha
Texto baseado em informações fornecidas pela editora da obra.

Os livros da coleção "Folha Explica", série composta por mais de 80 volumes breves, abrangem de forma sintética diversas áreas do conhecimento --inclusive a música. Confira alguns títulos que tratam sobre o tema.

Divulgação
Folha Explica o mito, a carreira e a brasilidade do "rei" Roberto Carlos
Folha Explica o mito, a carreira e a brasilidade do "rei" Roberto Carlos

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Conheça nossa página no Facebook
Visite a estante dedicada às artes

Organizado por Arthur Nestrovski, diretor artístico da Osesp (Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo), "Música Popular Brasileira Hoje" é uma antologia de 99 ensaios, sobre 99 nomes da nossa música.

Em "Roberto Carlos", o jornalista Oscar Pilagallo apresenta a arte, a carreira e os mitos do cantor. O ensaio traça uma espécie de "roteiro", em que separa os estilos --rock, soul, românticas-- e elenca os artistas que já regravaram suas composições, como Maria Bethânia, Titãs, Skank, o próprio Caetano Veloso, Gal Costa e Ná Ozzetti.

Combinando traços biográficos com análises de canções e leituras dos romances, "Chico Buarque", escrito por Fernando de Barros Silva, mostra que a obra do compositor não apenas registra e comenta nossa história, como a revela sob ângulos insuspeitados, amarrando e comunicando a experiência coletiva às verdades mais íntimas de cada um de nós.

Escrito por Guilherme Wisnik, ensaísta e historiador, "Caetano Veloso" tenta explicar uma das mais "inexplicáveis" personalidades brasileiras. Trata de questões da vida e da obra do compositor que foi capaz de escapar às classificações.

Divulgação
Traz cronologia, discografia completa e as principais obras de referência
Traz cronologia, discografia completa e obras de referência

"Villa-Lobos", escrito por Fábio Zanon, violonista e professor da Royal Academy of Music, examina a obra do maior expoente da música do modernismo brasileiro.

O crítico Zuza Homem de Mello descreve o perfeccionismo do baiano que inventou uma nova maneira de harmonizar o samba e se tornou uma lenda da música em "João Gilberto".

Cacá Machado, compositor e doutor em história pela USP, narra a trajetória e analisa a criação de um dos grandes nomes da música em "Tom Jobim". Ilustrado com fotos preto e branco, que mostram vários momentos da vida do músico, a obra traz a discografia do compositor e indicações de filmes e DVDs.

Com discografia e cronologia do grande mestre, "Dorival Caymmi" apresenta o legado original, diferente da obra de qualquer outro artista nacional ou estrangeiro, deixado pelo músico baiano.

Do mesmo autor de "Três Canções de Jobim", "Antarctica Artes com a Folha" e "Volpi", "Carlos Gomes" analisa um dos mais importantes compositores brasileiros de música erudita, músico é famoso pela ópera "Il Guarany", tema de abertura do programa radiofônico "A Voz do Brasil" --transmitido em todo o pais desde 1935-- e inspirado no romance "O Guarani", de José de Alencar.

Em "Música Clássica Brasileira Hoje", Sidney Molina, fundador do Quarteto de Violões Quaternaglia, traz 49 textos sobre 14 compositores e 35 intérpretes que representam as várias áreas dessa música feita no Brasil e por brasileiros no exterior.

 
Voltar ao topo da página