Saltar para o conteúdo principal
 
25/05/2011 - 13h02

"Gastar bem é uma arte que poucos conhecem", diz economista

da Livraria da Folha

Divulgação
Cálculo de orçamento doméstico para planos de investimento
Cálculo de orçamento doméstico para planos de investimento

O autor de "12 Meses para Enriquecer", o economista Marcos Silvestre retorna com dicas preciosas para o mercado com o livro "O Plano da Virada".

Para alcançar os resultados desejados, as "lições" passam pelos segredos da tríade do dinheiro, investimentos mais dinâmicos, gastos mais econômicos e dívidas mais prudentes. Atenção para o capítulo que relata que "Gastar bem é uma arte que poucos conhecem". Esta passagem é de muita importância para qualquer negócio ou estrutura familiar.

Arte
Siga a Livraria da Folha no Twitter
Siga a Livraria da Folha no Twitter

Com linguagem simples e métodos didáticos, o especialista esquematiza negócios rentáveis, estratégias e planos de lucro. Tudo, vale dizer, pensado e construído a partir de experiências do dia a dia financeiro.

Os tópicos apresentados não são meras sugestões, são fatos consolidados, e cabe a cada leitor saber usar delas para se estruturar e destacar no mercado.

Crédito, juros e dívidas farão parte de seu vocabulário básico, e em pouco tempo, os resultados tendem a começar a aparecer.

Leia trecho do capítulo "Gastar bem é uma arte que poucos conhecem".

*

Há pessoas de condição financeira mais humilde que, com muita dificuldade -mas grande habilidade -, conseguem formar seus filhos em boas faculdades. São grandes heróis das finanças pessoais. Outros, com carreiras até bem-sucedidas, correm o risco de ter que tirar as crianças da escola particular na primeira crise financeira que atravessem.

Infelizmente, há quem passe a vida preocupando-se apenas em ganhar bem, desgastando-se na busca frenética por mais e mais dinheiro do trabalho. Mas se esquecem de cuidar bem do que recebem, para conseguir enriquecer de verdade e manter um bom padrão de vida contando com o que já têm hoje. É um contrassenso.

O dinheiro não pode ter propósito mais nobre do que permitir que você o gaste, mas o gaste bem. Na seção anterior, você descobriu como multiplicar seu dinheiro por meio de investimentos, a fim de realizar seus grandes sonhos de compra e consumo.

Agora, você compreenderá como atender suas necessidades cotidianas com melhor organização e controle dos gastos, o que lhe permitirá viver afastado das dívidas preocupantes, e também lhe viabilizará poupar e investir com regularidade.

Estamos falando de uma via multiplicadora de dinheiro até bem conhecida, muito comentada, mas bem pouco explorada na prática. Não por falta de conhecimento, mas muitas vezes por falta de ferramental adequado - que não será o seu caso.

Uma pena, pois a fonte dos gastos mais econômicos faz "jorrar" um dinheirão em recursos antes desperdiçados, podendo ser facilmente liberados e revertidos em "dinheiro bom" para sua plena qualidade de vida.

Em seguida, vamos tratar exatamente disto: o que fazer com o dinheiro quando ele já está no seu bolso, ou seja, como realizar desembolsos no dia a dia, com bom planejamento financeiro e autogestão competente de seus gastos, contas e compras, aprendendo desde como enxugar desperdícios até como organizar melhor seu orçamento, providências indispensáveis para reforçar seu Plano daVirada e garantir seu sucesso no processo de enriquecimento contínuo que transformará sua vida.

Equilíbrio financeiro não é apenas empatar entradas e saídas

A primeira pergunta é: no modo como planeja e administra seus gastos, você consegue atender a suas necessidades cotidianas sem comprometer a realização de seus sonhos de compra e consumo futuros?

Se você quer mesmo garantir que seu dinheiro esteja sempre a serviço de sua qualidade de vida - hoje, amanhã e depois - precisa cuidar de promover o verdadeiro equilíbrio em sua vida financeira, o equilíbrio entre os desembolsos no passado, no presente e no futuro.

Quando falamos em equilíbrio financeiro, o óbvio parece ser empatar ganhos e gastos, certo? Errado. É igualmente importante balancear a distribuição de seus pagamentos não ´so entre os gastos em si - aí incluídos contas, compras, dívidas e seguros - como também garantir suas economias para investir com regularidade, e até mesmo suas doações.

Fazendo essa distruibuição de seus desembolsos de forma competente, só então poderá orgulhar-se de ter conquistado equilíbrio genuíno no uso do dinheiro, do ponto de vista de sua plena qualidade de vida.

*

"12 Meses para Enriquecer: o Plano da Virada"
Autor: Marcos Silvestre
Editora: Lua de Papel
Páginas: 300
Quanto: R$ 29,90
Onde comprar: pelo telefone 0800-140090 ou pelo site da Livraria da Folha

 
Voltar ao topo da página