Saltar para o conteúdo principal
 
07/07/2011 - 17h00

Autor colombiano revive assassinato do pai por paramilitares

da Livraria da Folha

Divulgação
Héctor Abad biografa pai médico e ativista em livro colombiano
Héctor Abad biografa pai médico e ativista em livro colombiano

Em "A Ausência que Seremos", o escritor colombiano Héctor Abad narra a trajetória de seu próprio pai, Héctor Abad Gómez (1921-1987), um médico ativista e combatente da miséria, morto por paramilitares, na Colômbia, em 1987.

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Siga a Livraria da Folha no Twitter

Pacifista convicto, o progenitor denunciou as crueldades cometidas pelos grupos armados e fez uma cruzada sanitarista em favor da saúde dos desassistidos pelo governo.

Dada a complexidade da personalidade e das vivências do biografado, o livro levou mais de vinte anos para ser concluído. O trabalho minucioso se reflete no texto bem construído e cheio de camadas composto pelo autor.

A narrativa da vida do médico o homenageia sem cair na crítica ressentida ou na louvação do progenitor. De quebra, cria um rico e triste panorama do denso e emaranhado cenário político colombiano, com vários grupos políticos armados capazes de promover atrocidades em busca de dinheiro e poder.

*

"A Ausência que Seremos"
Autor: Héctor Abad
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 320
Quanto: R$ 39,10 (preço promocional, por tempo limitado)
Onde comprar: Pelo telefone 0800-140090 ou pelo site da Livraria da Folha

 
Voltar ao topo da página