Saltar para o conteúdo principal
 
19/07/2011 - 20h00

Garoto sobreviveu ao holocausto e se tornou grão-rabino

da Livraria da Folha

Divulgação
história do menino que sobreviveu ao campo de concentração de Buchenwald
História do menino que sobreviveu ao campo de concentração nazista

"Lúlek" é a autobiografia de Israel Meir Lau, grão-rabino de Israel. Lúlek, como era chamado pela mãe, viveu os terrores da Segunda Guerra Mundial até os oito anos, quando escapou do campo de concentração de Buchenwald, em Thüringen, leste da Alemanha.

Considerado o mais jovem sobrevivente de Buchenwald, viu seu pai ser espancado e morto no campo de extermínio de Treblinka, na Polônia. Com a morte da mãe, executada pelos nazistas, seu irmão o protegeu. Por diversas vezes, o garoto esteve próximo da morte.

Foram juntos a Israel. Lá, o menino deu continuidade a uma dinastia rabínica de mais de mil anos e tornou-se grão-rabino.

Publicado pela editora Leitura, o livro é narrado em primeira pessoa e descreve detalhes de atrocidades que marcaram a história do século 20. O autor debate outras questões, como a soberania de Israel, o conflito com palestinos e a posição do judaísmo no mundo contemporâneo.

Visite a estante dedicada à religião
Siga a Livraria da Folha no Twitter

*

"Lúlek"
Autor: Israel Meir Lau
Editora: Leitura
Páginas: 524
Quanto: R$ 51,00 (preço promocional de lançamento*)
Onde comprar: pelo telefone 0800-140090 ou pelo site da Livraria da Folha

* Atenção: Preço válido por tempo limitado ou enquanto durarem os estoques. Não cumulativo com outras promoções da Livraria da Folha. Em caso de alteração, prevalece o valor apresentado na página do produto.

 
Voltar ao topo da página