ANP divulga situação sobre pagamento de subvenção ao diesel

Pagamentos à Petrobras ainda dependem da conclusão da análise dos documentos

São Paulo | Reuters

A ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) divulgou na noite de quinta-feira (23) a situação dos pedidos de pagamento da subvenção ao óleo diesel, em programa criado pelo governo após a paralisação dos caminhoneiros.

Segundo a agência, foram aprovados pagamentos a quatro empresas: Dax Oil Refino S/A (R$ 6.366,50), Refinaria de Petróleo Riograndense S.A (R$ 114.943,22), Petro Energia Indústria e Comércio Ltda (R$ 70 mil) e Sul Plata Trading Brasil Ltda (R$ 14 mil), referentes à primeira fase do programa.

Apenas Riograndense e Petro receberam os pagamentos.

As outras duas com valores aprovados ainda não foram pagas devido a pendências por problemas cadastrais.

Os pagamentos à Petrobras —que deverá ter os maiores valores a receber—  ainda dependem da conclusão da análise da documentação, que está em fase final, no caso da primeira fase do programa, segundo a ANP.

A agência afirmou também solicitou mais informações à Petrobras sobre vendas durante a segunda fase do programa de subsídio, para realizar o processo de pagamento.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.