Poupança fecha 2018 com melhor resultado em cinco anos

Dezembro teve maior entrada líquida de recursos em doze meses

São Paulo | Reuters

A caderneta de poupança registrou entrada líquida de R$ 14,607 bilhões em dezembro.

Foi o maior ingresso líquido mensal desde o mesmo mês de 2017 (R$ 19,373 bilhões), segundo dados divulgados pelo Banco Central nesta segunda-feira (7).

No ano, a poupança registrou captação de R$ 38,260 bilhões, o maior resultado anual desde o saldo líquido de R$ 71,048 bilhões acumulado em todo o ano de 2013. 

Em 2017, a poupança havia tido captação líquida de R$ 17,127 bilhões.

Em dezembro, o saldo foi resultado de aportes de R$ 223,321 bilhões,  menos resgate de R$ 208,714 bilhões. 

No ano, os ingressos somaram R$ 2,253 trilhões e as saídas, R$ 2,214 trilhões.

Em dezembro, os depósitos superaram os saques em R$ 12,22 bilhões no SBBE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo). Na poupança rural, depois de um mês de saída, houve entrada de R$ 2,387 bilhões.

Em todo o ano, a captação líquida no SBPE foi de R$ 27,791 bilhões e, na poupança rural, de R$ 10,469 bilhões.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.