Descrição de chapéu Tragédia em Brumadinho

Leia a íntegra do comunicado da Vale sobre o afastamento temporário de Fabio Schvartsman

Executivo pediu afastamento por pressão da Procuradoria e da Polícia Federal após tragédia de Brumadinho

São Paulo

A Vale confirmou, na noite deste sábado (2), o afastamento temporário do presidente da companhia,  Fabio Schvartsman, e outros três diretores, em um desdobramento da investigação das causas do rompimento da barragem de Brumadinho (MG).

Eles deixam os cargos após um pedido assinado pelo Ministério Público Federal, pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais, pela Polícia Federal e pela Polícia Civil do Estado de Minas Gerais.

A tragédia de Brumadinho deixou 186 mortos e 122 desaparecidos.

Leia a íntegra do comunicado.

 

Vale informa sobre afastamento temporário de executivos

A Vale informa que, ao final de sexta-feira, 01.03.19, seu Conselho de Administração recebeu do Ministério Público Federal, do Ministério Público do Estado de Minas Gerais, da Polícia Federal e da Polícia Civil do Estado de Minas Gerais a Recomendação nº 11/2019 com considerações e recomendações sobre afastamento de alguns executivos e colaboradores nos diversos níveis organizacionais da companhia.

O Conselho manteve reuniões durante a noite de sexta-feira 01.03.19 e a manhã de sábado, 02.03.19, incluindo interações com executivos da companhia. Durante as suas discussões, o Conselho recebeu, dos próprios executivos Fabio Schvartsman (Diretor-Presidente), Gerd Peter Poppinga (Diretor-Executivo de Ferrosos e Carvão), Lucio Flavio Gallon Cavalli (Diretor de Planejamento e Desenvolvimento de Ferrosos e Carvão) e Silmar Magalhães Silva (Diretor de Operações do Corredor Sudeste), os pedidos de afastamento temporário de suas funções, que foram imediatamente aceitos.

O Conselho de Administração acionou então o plano de interinidade previamente discutido: nomear Eduardo de Salles Bartolomeo (atual Diretor-Executivo de Metais Básicos) como Diretor-Presidente interino da Vale a partir desta data. Claudio de Oliveira Alves (atual Diretor de Pelotização e Manganês) ocupará interinamente a função de Diretor-Executivo de Ferrosos e Carvão e Mark Travers (atual Diretor Jurídico, de Relações Institucionais e Sustentabilidade de Metais Básicos) ocupará interinamente a função de Diretor-Executivo de Metais Básicos.

A Vale informa também que seu Conselho de Administração permanece em prontidão, na busca de um relacionamento transparente e produtivo com as autoridades brasileiras visando o esclarecimento dos fatos, a reparação apropriada dos danos e a integridade da empresa e que manterá a sociedade e os mercados informados sobre qualquer fato novo.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.