Bolsonaro comemora PIB e diz que melhora da economia ajuda na diminuição da violência

Presidente diz que melhoria tem a ver com a confiança dos investidores

Ricardo Della Coletta Gustavo Uribe
Brasília

O presidente Jair Bolsonaro comemorou nesta quinta-feira (29) a melhora da economia brasileira no segundo trimestre registrada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

"Hoje tivemos uma boa notícia, um dado positivo da Economia", disse Bolsonaro, durante lançamento, no Palácio do Planalto, do programa Em Frente Brasil, voltado para o combate da violência no país.

"Fiquei feliz de ver as mídias sociais divulgarem uma notícia dessas. E a economia também ajuda nessa questão. Porque se o desemprego cai, a violência também diminui no nosso país", acrescentou. 

Presidente diz que melhoria tem a ver com a confiança dos investidores - Evaristo SA/AFP

A economia brasileira melhorou no segundo trimestre de 2019. O PIB (Produto Interno Bruto) avançou 0,4% no período em relação aos três meses imediatamente anteriores.

Na comparação com o segundo trimestre de 2018, a alta foi de 1%.

O acumulado dos últimos 12 meses encerrados em junho mostra crescimento de 1%.

Em ambas as comparações o resultado veio acima do esperado por analistas ouvidos pela agência Bloomberg (0,2% e 0,8%, respectivamente).

Em seu discurso, Bolsonaro disse que "com toda a certeza" a reação da economia ocorre, entre outros motivos, pela recuperação da confiança dos investidores. "[Confiança] perdida sim nos últimos anos, lamentavelmente", disse. 

Ele reconheceu publicamente, em sua fala, o trabalho do ministro da Economia, Paulo Guedes. Disse, no entanto, que a situação econômica do país ainda tem que melhorar bastante. "Os senhores sabem como estavam as finanças do Brasil quando nós assumimos", disse o presidente.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.