Honda anuncia fim de produção de carros na Argentina a partir de 2020

Foco do grupo japonês será montagem de motocicletas na unidade local

Reuters

A Honda decidiu parar de produzir automóveis em sua fábrica na Argentina a partir de 2020, focando a unidade local apenas em montagem de motocicletas, informou o grupo japonês nesta terça-feira (13).

“Com produtos fornecidos por meio da utilização de recursos globais da Honda, a HAR (Honda Argentina) continuará com a comercialização de automóveis e os serviços pós-vendas no país”, afirmou a empresa em comunicado à imprensa.

A empresa citou que a decisão deve-se ao objetivo de “fortalecer a estrutura do negócio de automóveis, diante das abruptas mudanças da indústria automotiva ao redor do mundo, a Honda tem buscado reforçar a coordenação e colaboração inter-regional, otimizando a alocação e capacidade produtiva de automóveis globalmente”.

A fábrica argentina da montadora japonesa está localizada na região da capital Buenos Aires e emprega cerca de 1.000 trabalhadores. A unidade produz veículos desde 2011. Atualmente monta o utilitário HR-V.

A empresa não mencionou quantos funcionários podem ser afetados pela decisão e não pode comentar o assunto de imediato.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.