Presidente e herdeiro deixam cargos no Banco Safra

Rossano Maranhão sai da presidência, e Alberto Safra deixa conselho, mas segue no grupo

São Paulo

O herdeiro Alberto Safra deixou o conselho do Banco Safra, informou a instituição nesta segunda-feira (28). Segundo o banco, a saída foi em comum acordo e ele seguirá no grupo.

Rossano Maranhão, há 12 anos na presidência do grupo, e o vice, Eduardo Sosa, também deixaram os cargos. Antes de assumir o banco, Maranhão esteve à frente do Banco do Brasil, de 2004 a 2006. A instituição ainda não divulgou os substitutos.

Já a saída de Alberto "se deve exclusivamente à sua intenção pessoal de dedicar-se a outro projeto com a família", disse o Safra em nota.

Banco Safra na avenida Paulista; herdeiro deixa conselho do grupo
Banco Safra na avenida Paulista; herdeiro deixa conselho do grupo - Felipe Russo/Folhapress

Alberto e os irmãos, David e Jacob, assumiram a gestão do Safra no lugar do pai, Joseph Safra, em 2012.​

O Safra é o quarto maior banco do país, parte do Grupo J. Safra, criado há mais de 170 anos e com atuação internacional. O banco tem mais de 8 mil colaboradores.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.