Quem já se aposentou pode ser afetado pela nova Previdência quando enviuvar

Alíquota extraordinária poderá ser cobrada também de servidor inativo, se houver déficit

Ana Estela de Sousa Pinto
São Paulo

Quem já está aposentado não tem seus benefícios alterados pela reforma da Previdência.

Algumas das novas regras, porém, podem afetar o seu bolso. Entre elas está a que impede o acúmulo integral de aposentadoria e pensão.

Já me aposentei, vou ser atingido?

Valor do benefício atual Não muda
Possibilidade de acumular aposentadoria do RGPS e do RPPS Não muda
Possibilidade de acumular duas aposentadorias como servidor Não muda (possível nos casos previstos na Constituição)
Possibilidade de continuar trabalhando no serviço público mesmo aposentado Não muda para quem já se aposentou
Possibilidade de acumular aposentadoria com pensão
  • Não muda para aposentado que já enviuvou
  • Aposentado que enviuvar a partir de agora recebe apenas parte do menor benefício
Multa de 40% do FGTS em caso de demissão sem justa causa Não muda
Cobrança de contribuição previdenciária apenas do que excede o teto Não muda
Alíquota de contribuição Terá nova fórmula para o servidor
Ilustrações Novo Guia da Previdência
Conheça as regras para quem já se aposentou - Catarina Pignato/Folhapress

No GUIA DA NOVA PREVIDÊNCIA, veja como as novas regras afetam seu caso.

Aposentadorias

Valor do benefício

Com as novas regras, quanto será possível receber na aposentadoria

Contribuição previdenciária

Pensão por morte

Benefícios por incapacidade

Auxílio-doença, auxílio acidente e aposentadoria por incapacidade permanente

Outros benefícios

Os benefícios abaixo não foram afetados pela reforma da Previdência. Veja a regras básicas:

  • Aposentadoria por idade rural
  • Aposentadoria da pessoa com deficiência
  • Aposentadoria por idade da pessoa com deficiência
  • Salário-maternidade
  • Auxílio-reclusão
  • Salário-família
  • BPC

Já aposentados

Calcule como a reforma afeta seu caso

Ficou com dúvidas? Especialistas respondem

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.