Descrição de chapéu The Wall Street Journal

Dona do Google se torna a quarta companhia americana a valer US$ 1 trilhão

Alphabet se junta às big techs trilionárias Apple, Amazon e Microsoft

Amrith Ramkumar
Nova York | The Wall Street Journal

A matriz do Google, Alphabet Inc., tornou-se a quarta companhia dos Estados Unidos a atingir um valor de mercado de US$ 1 trilhão na quinta-feira (16), pontuando uma poderosa recuperação das ações de grandes empresas da internet para iniciar 2020.

A gigante das máquinas de buscas se junta a seus pares Apple, Amazon e Microsoft como as únicas empresas a atingir esse patamar durante as negociações intraday. Apple e Amazon realizaram esse feito no verão de 2018, enquanto a Microsoft atingiu US$ 1 trilhão pela primeira vez em abril do ano passado. A Amazon nunca fechou acima de US$ 1 trilhão e ficou muito atrás da Apple e da Microsoft, que dispararam além desse nível recentemente.

Logo do Google na sede de Pequim, China.
Google se torna a quarta big tech a valer US$ 1 trilhão - REUTERS/Thomas Pete

Os enormes ganhos das ações de tecnologia vêm com as empresas do Vale do Silício ascendendo à vanguarda da economia mundial e flexionando seus músculos em novas áreas, como assistência médica e transporte. Apesar das preocupações com um escrutínio regulatório mais rígido, as maiores empresas de tecnologia continuaram subindo em valor, salientando que os investidores preferem empresas que melhoram constantemente as vendas em um mundo com crescimento econômico morno e baixas taxas de juros.

"O Google é um desses líderes críticos e importantes em várias áreas", disse Michael Lippert, administrador do Baron Capital Opportunity Fund, que conta com a Alphabet entre suas maiores participações. "Você quase não pode viver sem pesquisar no Google."

As ações de empresas menores vistas como perturbadoras e com potencial de crescimento excessivo também subiram no novo ano, incluindo a fabricante de automóveis elétricos Tesla Inc. e a produtora de carne alternativa, de origem vegetal, Beyond Meat Inc. Os amplos ganhos ajudaram a levar os principais índices a níveis recordes.

A Alphabet teve que combater os crescentes custos e preocupações com a privacidade nos últimos anos, mas a resiliência de seu principal negócio de publicidade online continuou a impulsionar a ação.

"Foi realmente uma vaca leiteira", disse Dan Morgan, gerente sênior de portfólio dedicado a tecnologia na Synovus Trust Co., proprietária de ações da Alphabet. "Elas continuam apresentando constantemente um crescimento de 15% a 20%, o que é bastante surpreendente quando se considera a maturidade desse modelo."

Em dezembro, a estatal Saudi Aramco já abriu capital trilhonária, no maior IPO (oferta inicial de ações, na sigla em inglês) da história em dezembro, e desde então vale US$ 1,8 trilhão.

 
 
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.