Carrefour recebe autorização do BC para atuar como banco

Braço financeiro do Grupo Carrefour já começa a emitir boletos próprios; demais produtos estão na agenda

São Paulo

O Banco Carrefour, braço financeiro do Grupo Carrefour Brasil, recebeu o aval do Banco Central para operar como banco múltiplo.

A instituição, que já começou a emitir boletos para pagamento dos cartões Carrefour e Atacadão, também passa a integrar o Sistema Financeiro Nacional e poderá oferecer novas opções de crédito, investimentos e previdência privada.

Em nota, a companhia também afirmou que já trabalha em novas soluções e que planeja a integração ao PIX, sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central, a ser lançado em novembro.

Fachada do Carrefour em São Paulo
Fachada do Carrefour em São Paulo - Nacho Doce/Reuters

“Além de trazer muita eficiência para a nossa operação de cartão de crédito, essa implementação nos permite acelerar novas iniciativas e produtos financeiros, a ser um dos pioneiros do PIX e explorar outros ativos ainda não monetizados dentro do nosso ecossistema mercantil”, afirmou o presidente do Banco Carrefour, Carlos Mauad.

Em outubro do ano passado, o grupo já havia entrado para o mercado de contas digitais ao adquirir 49% da fintech Ewally, plataforma que oferece pagamentos de contas, transferência de dinheiro, cobranças e recargas pelo celular.

"Vamos trabalhar com ainda mais intensidade para que o Banco Carrefour continue sendo uma das principais ferramentas de inclusão financeira do mercado brasileiro", disse Mauad.

O Banco Carrefour já era responsável pela emissão e administração dos cartões Carrefour e Atacadão e pelos serviços de seguros do grupo.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.