Jaguar I-Pace é o primeiro 100% elétrico a ser avaliado na pista

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

O Jaguar I-Pace entrou para a história do Ranking Folha-Mauá por ser o primeiro carro 100% elétrico a passar pela pista de testes.

Apesar da carroceria que remete aos SUVs, seu desempenho foi de carro esportivo. O modelo inglês, que custa a partir de R$ 509 mil, chegou aos 100 km/h em 4,7 segundos, número que o coloca entre os mais rápidos do ano.


O teste só foi possível devido à autonomia: o I-Pace é capaz de rodar 400 km com uma carga completa.
Não houve problema para chegar até a pista, em Limeira (a 160 km de São Paulo). Na volta, foi preciso parar em um shopping para uma recarga. Foram quatro horas até ter energia suficiente.

Um ano após o teste, tomadas foram instaladas em postos nas rodovias dos Bandeirantes e Anhanguera. Há sistemas que recarregam 80% da bateria em 40 minutos.

Saiba como são feitos os testes

Para aferir o desempenho dos carros, o IMT (Instituto Mauá de Tecnologia) utiliza o V-Box, equipamento que usa sinal de GPS.

Os testes de aceleração, retomada e frenagem são feitos na pista da empresa ZF, em Limeira (interior de São Paulo).

A etapa que verifica o gasto de combustível na cidade tem 27 km. Para simular um percurso rodoviário com velocidade média de 90 km/h, os engenheiros do IMT dirigem por 31 km. Ambos os trajetos ficam em São Caetano do Sul (ABC), onde fica a sede do instituto.

Se o carro for flex, são feitas duas medições: uma com gasolina, outra com etanol.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.