Descrição de chapéu Europa

Renault aponta 100% de vendas elétricas na Europa em 2030

Diretor-geral da companhia afirma que escassez de semicondutores deve persistir em 2022

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Guyancourt (França) | AFP

A fabricante francesa Renault não aposta mais em 90%, e sim em 100% das vendas elétricas na Europa em 2030, anunciou o diretor-geral do grupo, Luca de Meo, nesta quinta-feira (13).

"Decidimos preparar as condições para que a Renault seja uma marca 100% elétrica em 2030 no território europeu", afirmou de Meo.

A marca lança este ano uma versão elétrica do sedan Mégane e depois uma versão moderna do pequeno Renault 5, ambos fabricados no norte da França.

Logo da Renault em concessionária em Nantes, na França - Stephane Mahe - 9.set.2021/Reuters

"Seguirá [sua outra marca] Dacia e sua eletrificação será coerente com uma posição que nos impõe não aumentar os preços", destacou de Meo.

Em uma reunião com jornalistas no "Technocentre Renault" de Guyancourt (subúrbio de Paris), Luca de Meo disse que os problemas de abastecimento em semicondutores continuarão em 2022 e que "o pior" será no primeiro semestre.

"Não se pode esperar uma solução a curto prazo", disse. Cerca de 500 mil veículos não serão produzidos devido a essas dificuldades, afirmou o diretor.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.