Mercado vê inflação mais alta e aumenta previsão para Selic em 2024

Segundo a pesquisa Focus, IPCA fechará 2024 com uma taxa de 3,84%, de 3,70% projetados antes

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Camila Moreira
São Paulo | Reuters

O mercado voltou a elevar as perspectivas para a inflação tanto este ano quanto no próximo, passando a calcular a taxa básica de juros mais alta em 2024, de acordo com a pesquisa Focus do Banco Central divulgada nesta segunda-feira (23)

Segundo o levantamento semanal, a Selic deve terminar este ano a 12,50%, sem alterações, mas 2024 fechará com uma taxa de 9,50%, de 9,25% projetados antes.

Atualmente a taxa está em 13,75%, nível que deve ser mantido na reunião de política monetária do BC de 31 de janeiro e 1º de fevereiro de acordo com a mediana das expectativas no Focus.

Sede do Banco Central, em Brasília - Pedro Ladeira/Folhapress

As contas para a alta do IPCA na pesquisa, que capta a percepção do mercado para indicadores econômicos, seguiram aumentando. A inflação agora é calculada em 5,48% em 2023 e 3,84% em 2024, de respectivamente 5,39% e 3,70% na semana anterior.

O centro da meta oficial para a inflação em 2023 é de 3,25% e para 2024 é de 3,00%, sempre com margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou menos.

Para o PIB (Produto Interno Bruto), a projeção de crescimento este ano melhorou em 0,02 ponto percentual, a 0,79%, enquanto que para 2024 permaneceu em 1,50%

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.