Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
07/07/2010 - 13h16

Venda de material de construção tem 1ª queda desde março de 2009

Publicidade

DE SÃO PAULO

As vendas de material de construção apresentaram queda de 5,5% em junho ante maio, segundo os dados da Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção), que representa 138 mil lojas no país, divulgados nesta quarta-feira.

De acordo com a entidade, é a primeira vez que o varejo do setor apresenta redução nesse confronto desde março de 2009. "Ficamos surpresos com os dados, mas a verdade é que os jogos da Copa do Mundo tiveram um certo peso nesse cenário, já que as lojas atribuíram a queda nas vendas à falta de consumidor", afirma Cláudio Elias Conz, presidente da Anamaco.

"No entanto, a pesquisa também indicou que os lojistas estão muito otimistas e que acreditam que irão recuperar a diferença já no mês de julho", completou. Na comparação com junho do ano passado, as vendas cresceram 6,5%. Já no primeiro semestre, a expansão foi de 8% sobre o mesmo período de 2009.

Segundo o estudo, 62% dos lojistas apontam que haverá aumento de 10% a 20% no volume de vendas neste mês. Sobre o decreto que oficializou a prorrogação da redução de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para os produtos do setor até dezembro, publicado no último dia 29, o executivo disse que "o governo entendeu a importância da manutenção dessa medida, pois ela beneficia, sobretudo, a parcela da população mais carente".

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Voltar ao topo da página