Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
19/12/2012 - 22h53

Envelope é achado no Muro das Lamentações com US$ 500 mi em cheques

Publicidade

DE SÃO PAULO

A polícia de Jerusalém divulgou nesta quarta (19) a investigação sobre o aparecimento de cheques assinados no valor de cerca de US$ 500 milhões, encontrados no Muro das Lamentações.

Os 507 cheques foram descobertos em um envelope no local sagrado da Cidade Antiga de Jerusalém e foram entregues à polícia por um "bom samaritano", informou, em um comunicado a Fundação do Patrimônio do Muro das Lamentações.

"O descobridor honesto da fortuna a entregou ao departamento de propriedades perdidas da polícia. Por enquanto os cheques esperam ser recuperados por quem o perdeu", destacou o comunicado.

O porta-voz da polícia, Micky Rosenfeld, confirmou a descoberta incomum no Muro, onde fiéis costumam depositar bilhetes com suas preces -- ao invés de cheques com as economias de uma vida.

"Um envelope foi encontrado no Muro das Lamentações. Dentro do envelope havia centenas de cheques, cada um com uma quantia próxima a um milhão de dólares", disse Rosenfeld à AFP.

O envelope "foi levado ao serviço de 'achados e perdidos' e no momento estamos averiguando a origem de cada cheque e se eles são reais ou não, mas por enquanto parecem genuínos", acrescentou.

Rosenfeld afirmou que os cheques eram de países diferentes, embora a Fundação do Patrimônio do Muro das Lamentações os tenha descrito como "cheques nigerianos".

"De tempos em tempos, o Muro recebe donativos de países africanos", ressaltou a polícia no comunicado. "Mas a maioria deles é sem fundos".

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página