Descrição de chapéu terrorismo estado islâmico

Atentados deixam mais de 20 mortos no Afeganistão

Taleban e Estado Islâmico assumiram a autoria dos ataques

Lashkar Gah (Afeganistão) | Reuters

Uma série de atentados realizados no Afeganistão entre a sexta (23) e o sábado (24) deixou mais de 20 mortos, informaram autoridades do país. 

No maior dos ataques, militantes do Taleban mataram 18 militares que estavam em um posto policial na província de Farah, no oeste do país, perto da fronteira com o Irã.

Guardas protegem local de ataque suicida na capital Cabul
Guardas protegem local de ataque suicida na capital Cabul - Rahmat Alizadah/Xinhua

“Um grande número de milicianos atacou um posto militar. Perdemos 18 soldados, e outros dois estão feridos”, disse o porta-voz do governo, Dawlat Waziri. 

Já na capital Cabul, um homem-bomba se explodiu próximo a um escritório da agência de inteligência afegã. Ao menos três pessoas morreram e cinco ficaram feridas na ação, que foi reivindicada pelo Estado Islâmico. 

A cidade está em alerta de 27 de janeiro, quando um ataque suicida do Taleban deixou mais de cem mortos. 

A província de Helmand, vizinha a Fatah, foi alvo ainda de um terceiro ataque, que deixou outras três pessoas mortas —nenhum grupo assumiu a autoria do atentado. 

Os ataques aconteceram uma semana antes do país receber uma delegação da Otan (aliança militar do Ocidente), que deve pedir apoio ao governo do presidente  Ashraf Ghani. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.