Coreia do Norte começa a desmontar local de teste nuclear, diz Coreia do Sul

Pesquisadores americanos dizem que imagens de satélite confirmam a avaliação

Seul | Associated Press

A Coreia do Norte está começando a desmontar o local onde fazia testes nucleares, disseram autoridades sul-coreanas nesta terça-feira (15). Pesquisadores americanos dizem que imagens de satélite confirmam a avaliação.

Pessoas em Seul veem programa de televisão na Coreia do Sul mostra imagem de satélite do local de testes nucleares da Coreia do Norte
Pessoas em Seul veem programa de televisão na Coreia do Sul mostra imagem de satélite do local de testes nucleares da Coreia do Norte - Ahn Young-joon - 13.mai.18/Associated Press

Se verdadeiro, o fechamento do local de testes é mais um gesto de Pyongyang antes do encontro histórico entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o ditador norte-coreano Kim Jong-un. Apesar disso, especialistas dizem que o fechamento do local não é um passo importante rumo à desnuclearização do país.

Roh Jae-cheon, porta-voz do Estado-Maior das Forças Armadas sul-coreanas, disse que os militares têm visto sinais de que o Norte está fazendo "trabalhos preparatórios" para fechar o local de testes. 

Uma análise do site especializado americano 38 North afirma que imagens comerciais de satélites mostram que prédios de apoio foram desmontados e que trilhos para trens de carga de minério parecem ter sido retirados.

A Coreia do Norte anunciou no sábado que vai desativar o local de testes entre os dias 23 e 25 de maio e que jornalistas da Coreia do Sul, EUA, China, Rússia e Reino Unido serão convidados a ver a destruição de túneis e de equipamentos de observação e pesquisa.

Apesar disso, há especialistas que questionam se a destruição prometida do local de testes não serviria para esconder evidências do programa nuclear norte-coreano.

Depois da reunião entre Kim e o presidente sul-coreano, Moon Jae-in, em 27 de abril, as Coreias se comprometeram com a completa desnuclearização da península, sem dar detalhes de como isso seria feito. Mas há dúvidas sobre se o regime de Kim está realmente disposto a abrir mão totalmente de suas armas nucleares.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.