Descrição de chapéu Copa do Mundo

Às vésperas da final da Copa, França celebra Dia da Bastilha

País disputa amanhã final da competição com a Croácia

Paris | AFP

Em homenagem ao Dia da Bastilha, as Forças Armadas francesas desfilaram neste sábado (14)  na avenida Champs Elysees, em Paris. No mesmo local os franceses esperam celebrar neste domingo (15) a conquista da segunda Copa do Mundo do país. França disputa a final contra a Croácia ás 12h (horário de Brasília). 

O presidente francês,  Emmanuel Macron, em seu segundo desfile após assumir o cargo, cruzou a famosa avenida parisiense a bordo de um carro de comando militar.

O desfile foi realizado sob fortes medidas de segurança. Cerca de 12 mil agentes foram mobilizados para a capital francesa e região, para acompanharem tanto a festa nacional quanto o jogo de domingo.

No ano passado, o presidente dos EUA, Donald Trump, foi o convidado de honra do desfile. Desta vez foram convidados o primeiro-ministro de Singapura,  Hsien Loong, e o ministro das Relações Internacionais japonês,  Taro Kono.

O Dia da Bastilha, comemorado em 14 de julho na França, marca o aniversário da derrubada e tomada da notória prisão parisiense da Bastilha em 1789, durante a Revolução Francesa.

Construída no século 14, a fortaleza da Bastilha foi utilizada ao longo de sua história como prisão tanto para criminosos comuns quanto para opositores da monarquia francesa e da Igreja Católica. Na data de sua invasão, em 14 de julho, no entanto, contava com poucos prisioneiros. Assim, a tomada teve principalmente uma importância simbólica.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.