Chuvas fortes deixam ao menos 49 mortos e outros 48 desaparecidos no Japão

Mais de 1,6 milhão de pessoas foram retiradas de suas casas por risco de inundação ou deslizamento

Tóquio | Reuters

Chuvas torrenciais no oeste e centro do Japão causaram a morte de ao menos 49 pessoas e deixaram 48 desaparecidas. Mais de 1,6 milhão de pessoas foram retiradas de suas casas.

A agência meteorológica do país emitiu avisos contra deslizamentos, possibilidade de rios transbordarem e fortes ventos no que chamou de “chuvas históricas”.

Moradores de Kurashiki, no oste Japonês, são resgatados depois de inundações
Moradores de Kurashiki, no oste Japonês, são resgatados depois de inundações - Kyodo News/AP

Imagens de helicópteros mostraram pessoas abrigadas no teto de construções esperando resgate; em outras, soldados japoneses também procuram sobreviventes usando barcos.   

Mais de 1,6 milhão de pessoas foram retiradas de seus lares por receio de inundação ou deslizamento de terra —outros 3,1 milhão foram aconselhadas a deixarem suas casas.

A indústria também paralisou atividades —a Mitsubishi Motors, por exemplo, suspendeu atividades em ao menos duas fábricas. 

O governo japonês afirma que 48 mil policiais, bombeiros e membros das Forças de Defesa estão trabalhando nas ocorrências.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.