Sobrinha de ex-espião envenenado será candidata em partido ligado a Putin

Viktoria Skripal disputará uma vaga na Assembleia Iaroslavl, ao norte de Moscou

Moscou | Associated Press

​A sobrinha do ex-espião russo que foi envenenado no Reino Unido está concorrendo a uma cadeira em uma assembleia regional na Rússia em um partido ligado ao presidente Vladimir Putin. 

Viktoria Skripal está concorrendo a um cargo na região de Iaroslavl, ao norte de Moscou, como candidata pela Rússia Justa, de acordo com a porta-voz do partido, Anastasia Pivovarova —a sigla é aliada do presidente. 

Serguei Skripal e sua filha Iulia sobreviveram a um ataque de veneno na cidade inglesa de Salisbury, em março. O governo britânico diz que eles foram envenenados por um agente nervoso conhecido como Novichock e que a Rússia estava por trás do ataque, o que Moscou nega.

O caso causou uma crise entre os dois países e levou diversos países ocidentais a expulsarem diplomatas russos de seu território. O envenenamento também foi uma das razões citadas por Washington para impor novas sanções contra autoridades de Moscou.  

Em aparições na televisão estatal russa, Viktoria Skripal disse que não confia no Reino Unido para lidar com a investigação.

Pivovarova disse que Viktoria Skripal ganhou o apoio do partido por causa de sua "posição cívica ativa".

Militares britânicos se preparam para retirar um carro que estaria ligado ao envenenamento de Serguei Skripal e sua filha Iulia
Militares britânicos se preparam para retirar um carro que estaria ligado ao envenenamento de Serguei Skripal e sua filha Iulia - Adrian Dennis - 14.mar.2018/AFP
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.