Trump sugeriu construção de muro no Saara para deter imigrantes, diz Espanha

Deserto, que ocupa quase todo o norte da África, mede cerca de 4.800 km de leste a oeste

Madri | AFP

O presidente dos EUA, Donald Trump, sugeriu ao ministro espanhol das Relações Exteriores, Josep Borrel, a construção de um muro no deserto do Saara para conter a imigração da África para a Europa.

"Fechar os portos não é solução, como tampouco é solução construir um muro no Saara, como me sugeriu o presidente Trump recentemente", afirmou Borrell durante um almoço com jornalistas.

Dunas do deserto do Saara em Erg Chebbi, no Marrocos - Giovanna Dell'Orto - jun.13/Associated Press

Borrell, que no ano passado presidiu o Parlamento Europeu, questionou: "Mas o senhor sabe como é grande o Saara?".

Ao que Trump respondeu: "Não pode ser maior que a fronteira entre os EUA e o México".

E acrescentou: "Façam vocês um muro que cerque o Saara".

O deserto, que ocupa quase todo o norte da África, mede cerca de 4.800 km de leste a oeste.

O muro que Trump quer construir na fronteira mexicana mediria cerca de 3.200 km, a um custo de cerca de US$ 20 bilhões (R$ 82,25 bilhões), segundo algumas estimativas.

A Espanha registrou desde o começo deste ano cerca de 38 mil chegadas por terra e por mar, de acordo com dados da Organização Internacional de Migração.

O país tem dois encraves no norte da África, Ceuta e Melilla, protegidos por barreiras metálicas com seis metros de altura que são frequentemente saltadas por imigrantes que tentam entrar no território espanhol. 

Erramos: o texto foi alterado

Diferentemente do publicado em versão anterior deste texto, o muro que Donald Trump quer construir na fronteira do México tem um custo de cerca de US$ 20 bilhões, e não de US$ 20 milhões. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.