Explosão em prédio de Paris deixa mortos e feridos

Vazamento de gás seria causa do fogo, segundo a polícia

Paris

Uma explosão em um prédio do centro de Paris deixou ao menos três mortos e cerca de 50 feridos na manhã deste sábado (12).

Uma mulher é retirada após explosão em padaria em Paris que deixou pelo menos dois mortos
Uma mulher é retirada após explosão em prédio no centro de Paris, que deixou ao menos dois mortos - Thomas Samson/AFP

O incidente ocorreu no 9º distrito da capital, a poucos quarteirões da Ópera e da avenida onde ficam as grandes lojas de departamentos, muito frequentadas por turistas.

Era por volta de 9h (6h em Brasília) quando o estrondo foi ouvido. O Corpo de Bombeiros estava na região para tratar de uma ocorrência de vazamento de gás. Duas das vítimas eram integrantes da corporação.

A terceira é uma turista espanhola que visitava Paris com seu marido —que não ficou ferido—, informou o ministro espanhol das Relações Exteriores, Josep Borrell.

A explosão, cujo impacto destruiu janelas de apartamentos e vitrines de lojas das redondezas, deixou quase 40 feridos leves. Além deles, há dez pessoas em estado grave.

A polícia trabalha com a hipótese de que a detonação esteja relacionada com o vazamento de gás assinalado horas antes.

A explosão ocorreu em meio a um bloqueio no centro de Paris devido ao nono sábado consecutivo de protestos dos "coletes amarelos".

Em toda a França, estima-se que 32 mil pessoas participaram de manifestações neste sábado pedindo reformas.

O movimento, que começou protestando contra o aumento de combustível proposto pelo governo Emmanuel Macron e que acabou ampliando as reivindicações e transformando o presidente em alvo, luta para se manter relevante, após ver seus atos perderem força no fim de 2018.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.