Enchentes matam ao menos seis na Espanha

Chuvas em nível recorde caem no sudeste do país desde quinta (12)

Orihuela | Reuters

Autoridades locais confirmaram neste sábado (14) a sexta vítima das enchentes provocadas pelas chuvas em nível recorde que caem no sudeste da Espanha desde a última quinta-feira (12).

Um homem de 41 anos foi encontrado morto em Orihuela, a 55 quilômetros de Alicante, cidade litorânea visitada neste sábado pelo primeiro-ministro interino, o socialista Pedro Sánchez, que foi acompanhar os trabalhos do centro de comando das operações de resgate.

Mais de 1.100 militares foram deslocados para as regiões de Murcia e Valencia, onde milhares de pessoas tiveram de ser retiradas de suas casas depois que um rio transbordou e fez estradas submergirem.

Três homens foram encontrados mortos na sexta (13), incluindo um que tentou atravessar de carro um rio inundado, e dois irmãos morreram na quinta (12) quando seu carro foi arrastado pela água.

A agência nacional de meteorologia manteve o estado de alerta em nível 3, numa escala que vai até 4, para diversas áreas do centro e do sul da Espanha.

garoto anda sobre agua
Garoto anda em praia de Los Alcazares, no sudeste da Espanha, após chuvas fortes que causaram enchentes - Sergio Perez/Reuters
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.