Incêndio florestal consome cidade histórica na Califórnia

Quase 200 mil ficaram sem luz no estado; ventos fortes seguem até o fim de semana

San Francisco

Autoridades de emergência da Califórnia ordenaram nesta quinta (24) que os quase mil moradores da cidade histórica de Geyserville deixassem suas casas por causa dos incêndios florestais que atingem o condado de Sonoma. Geyserville é parte da região vinícola ao norte de São Francisco. 

Os ventos fortes aliados a altas temperaturas fizeram com que os incêndios, que receberam o nome de Kincade, já tenham consumido mais de 4.000 hectares no estado, de acordo com o Departamento de Florestas e Proteção contra Incêndios da Califórnia. A queimada começou na madrugada.

Enquanto as equipes lutavam contra o fogo, imagens postadas nas redes sociais por repórteres locais mostravam destroços em chamas das casas destruídas em Geyserville.

Em paralelo, as autoridades estavam respondendo a um incêndio no Annadel State Park, a sudeste de Santa Rosa, informou o departamento de bombeiros local.

A previsão não é animadora, já que ventos ainda mais intensos devem atingir o estado no final desta quinta e na sexta (25) —a velocidade pode chegar a 121 km/h. O alívio só é esperado para o final de semana.

Também em decorrência das queimadas, 196 mil pessoas estão sem energia no Estado.

Mais de meio milhão de residências e empresas no estado podem ficar sem luz, uma vez que as concessionárias, incluindo Pacific Gas & Electric e Southern California Edison, cortam a eletricidade como medida preventiva.

No sul da Califórnia, um outro incêndio atingiu casas no condado de Los Angeles, mas não há informação sobre feridos ou sobre a quantidade de pessoas afetadas. 

Fogo consome a vila histórica de Geyserville, na Califórnia - Josh Edelson/AFP
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.