Homem mata a mulher, 3 filhos e o cachorro em comunidade da Disney na Flórida

Polícia diz que fisioterapeuta de 44 confessou os crimes

Miami | AFP

Um morador de Celebration, uma comunidade construída pela Disney perto de Orlando, confessou nesta quarta-feira (15) ter matado a mulher e os três filhos. Os corpos foram encontrados numa casa de alto padrão na região que fica ao sul dos parques temáticos da empresa, na Flórida.

As autoridades policiais disseram que o fisioterapeuta Anthony John Todt, 44, enfrenta acusações de assassinato pela morte da mulher, de 42 anos, e dos filhos de 13, 11 e 4. Ele também responde por crueldade animal por ter matado o cachorro da família, segundo o jornal local Orlando Sentinel.

A polícia foi ao local do crime para prender Todt por uma acusação de fraude. Ao encontrar os corpos, ele foi detido e levado ao hospital.

Acredita-se que as vítimas tenham sido mortas no final de dezembro, segundo os investigadores.

Rua de Celebration, na Flórida
Rua de Celebration, na Flórida - Mauricio Padovani/CC/Flickr

Mais cedo, já havia suspeitas de que os mortos fossem dessa família, que estava desaparecida desde 6 de janeiro. Amigos e familiares tinham criado um grupo de Facebook para tentar descobrir onde eles estavam.

Depois que a polícia encontrou os corpos, alguém escreveu no grupo: "Tony (apelido de Anthony) está no hospital. Não temos mais detalhes e daremos atualizações quando soubermos mais. Por favor, orem pela família".

Celebration é uma comunidade experimental desenvolvida nos anos 1990 pela empresa Disney World, cheia de lojas e restaurantes, a 33 km de Orlando. A cidade fica a cerca de 25 km de Windermere, onde o apresentador Gugu Liberato sofreu um acidente e morreu, em novembro. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.